terça-feira, 8 de setembro de 2015

Em Maricá, beneficiários do 'Minha Casa Minha Vida' não aguentam mais tanto descaso

MARCELO BESSA :: REPORTAGEM - Os beneficiários do programa 'Minha Casa Minha Vida' que recentemente se mudaram para o condomínio Carlos Mariguella, no distrito de Itaipuaçu, em Maricá (RJ) estão a cada dia mais descrentes e revoltados. Conforme reportagens veiculadas pelo ITAIPUAÇU SITE na semana passada, eles estão morando em condições precárias, sem água e nenhuma informação.

A falta d'água é devido a vazamentos causados por estouros nos encanamentos no primeiro instante em que os registros e torneiras foram abertos. A partir de então, os moradores têm captado água em baldes na cisterna e nos reservatórios de água dentro do próprio condomínio.

De acordo com o gerente da empresa 'Sertenge', responsável pela obra, Sr. Mauro, tudo estaria
resolvido até sexta-feira (04), no entanto nada ainda foi resolvido, a não ser o surgimento de dezenas de buracos em vários locais em torno dos blocos residenciais.

Além da falta d'água, muitos outros problemas têm sido detectados pelos próprios moradores. Segundo eles, a obra foi mal feita. Em um rápido passeio pelo condomínio, é possível deparar com cenas que atestam a péssima qualidade da construção.

Mangueiras de plástico são ligadas
nos encanamentos
Nossa reportagem voltou ao local no último sábado, a pedido de uma moradora, e constatou a existência de resquícios que comprovam a baixa qualidade dos materiais utilizados durante a obra.

Nos buracos, abertos para detectar e sanar os vazamentos, há mangueiras de péssima qualidade, de material plástico, ligadas aos encanamentos. Por todos os cantos, há pedaços e rebocos de muros caídos no chão. Os buracos sem sinalização apresentam risco aos idosos e crianças.

Pedaços do muro já estão descolando
A pedido da prefeitura, a construtora contratou caminhões-pipas para abastecer as caixas d'água dos blocos, mas segundo informações só foram abastecidas as unidades com moradores e mesmo assim a maioria dos residentes ficou sem o serviço. Em alguns casos, banheiros e cozinhas dos apartamentos do 1º piso apresentaram vazamentos provenientes dos apartamentos de cima.

Caminhões-pipas abastecem algumas
unidades
Ainda de acordo com as últimas informações, o abastecimento de água nas unidades foi interrompido nesta segunda-feira (07) por ordem da funcionária da prefeitura e coordenadora do programa, Lene de Oliveira, devido a uma suposta agressão a um motorista de um dos caminhões-pipas, causada por uma moradora revoltada. Segundo a coordenadora, os moradores terão de esperar pelo abastecimento da Cedae.

Crianças correm
risco brincando ao
lado de um buraco
Os outros moradores desinformados e alheios a essas problemáticas, têm constantemente procurado o Sr. Mauro, da construtora, para saber quando e como tudo será solucionado. Entretanto, o funcionário da 'Sertenge' se nega a dar informações e diz que a responsável é a Sra. Lene, da Prefeitura. Por outro lado, os moradores garantem que ao ser procurada, a coordenadora diz que a responsável é a construtora.

Buracos abertos
sem sinalização
Os moradores estão visivelmente desgastados no meio desse jogo de empurra e já estão descrentes de que a prefeitura ou a construtora tomarão alguma providência para que eles tenham a mínima condição de moradia no local, sem contar que, além desses descasos, eles têm sido tratados com rudeza e ignorância por ambas as partes.

Veja os vídeos, a seguir, relativos a esta reportagem:








2 comentários:

Anônimo disse...

RESUMO: TUDO ISSO É CONSEQUÊNCIA DO GOVERNO CORRUPTO COMANDADO PELO FAMIGERADO PT. O FAMOSO CALABOCA, OBRA MAL FEITA POR INCOMPETENTES, SEM FISCALIZAÇÃO, ETC. ETC., TUDO PARA AGRADAR AO POVO. E O ROUBO CONTINUA, O POVO PAGANDO IMPOSTOS PARA COBRIR O ROUBO DELES.

Anônimo disse...

ALÔ CAMBADAS DEIXEM DE SER BURROS. CHAMEM O MPRJ, DENUNCIAM PARA AS TVs ATRAVÉS DO WHATSAPP.

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.