sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Quaquá anuncia secretários e outras ações


Por Luiz Antonio Moraes - O prefeito Washington Quaquá (PT) reuniu a imprensa na manhã dessa sexta-feira (12) como parte de suas atribuições para anunciar a mexida que está fazendo na máquina administrativa. Ele contou que seu vice Marcos Ribeiro será o coordenador geral do governo, na verdade, segundo Quaquá, o vice vai desempenhar o papel de prefeito, enquanto ele, Quaquá, irá atuar na esfera de Brasília em busca de recursos.
A primeira-dama, Rosangela Zeidam, ao que tudo indica, irá ocupar uma cadeira de deputada no Rio, em janeiro. Quaquá contou seus planos para entrar em ação assim que sua esposa aterrissar na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. Serão deflagradas três campanhas: “Maricá BPM já!”; “Maricá monopólio não!; “Ou entra água, ou sai a Cedae!”.
Na primeira, o prefeito afirmou que o “comando do 12º BPM é irresponsável com relação a segurança de Maricá”. O município com seus 362 quilômetros quadrados de território conta com 30 PMs para a segurança. Com base nisso, o prefeito reeleito com 32% dos votos, vai querer implantar um batalhão da PM na cidade, e usando a primeira-dama como deputada. Ainda com a força da esposa na Alerj, Quaquá pretende acabar com o monopólio do transporte coletivo que está, segundo ele, nas mãos da Viação Nossa Senhora do Amparo. E na terceira campanha, o petista vai pressionar a Cedae para colocar água na cidade em seis meses, ou irá entrar na justiça para cancelar o contrato que o ex-prefeito Ricardo Queiroz assinou com a empresa dando-lhe uma concessão de 30 anos. Quaquá se disse revoltado com essa manobra do ex-prefeito que assinou o contrato com a Cedae um dia antes dele assumir a prefeitura.
Quaquá vai mudar seu secretariado. Ele nomeou a Dra. Janete Valadão para a Saúde e extinguiu a secretaria de Comunicação Social, mas criou a secretaria do Idoso. Foi mantida na Secretaria de Assistência Social e Participação Popular, Laura Vieira da Costa, Secretario Executivo Marcio Leite, Secretaria de Educação Marta Quinan, Secretario de Turismo Amaury Vicente, Secretario de Urbanismo Celso Cabral, Secretario de Obras Fernando Rodovalle, Secretario de Assuntos Federativos Fabiano Filho e Procuradora Geral Maria Inez. Quanto as reais mudanças, o prefeito fez mistério é só vai divulgar na próxima sexta-feira.
 Itaipuaçu e as urnas: Quaquá disse que o resultado das urnas em Itaipuaçu não lhe foi favorável, contudo, não vai deixar de realizar obras no distrito. Vai completar o asfalto da Rua 35 até a rua 123 do Jardim Atlântico e vai começar em 2013 a obra da estrada da orla, com previsão para ser inaugurada em 2014, contou ele.
Tolerância zero – funcionário da prefeitura que for visto voando na hora do expediente “será abatido no ar”, disse Quaquá sobre exonerações para quem não quer trabalhar. Ele vai exigir excelente atendimento ao contribuinte. Contou que o quadro de secretários será de moradores de Maricá. Os secretários de outros municípios foram demitidos, a exemplo do dr. Malta Carpi, da Saúde.
Chumbo grosso contra o Sindicato de Professores – O Sindicato acusa Quaquá de não construir escolas e, portanto, deixou cerca de 12 mil crianças fora das salas de aula. Irritado, o prefeito disse que “só tem vagabundo no Sindicato”. Essas críticas são infundadas e serviram para ajudar a oposição durante a campanha. Quaquá citou que a ex-presidente do Sindicato perdeu feio nas urnas, obtendo apenas 171 votos, o que representa a força que o Sindicato tem junto aos professores.
Números de secretarias – Quaquá não pretende mexer na quantidade secretarias (98), pois acredita que enxugando a Prefeitura não irá melhorar o atendimento administrativo. Ele vai exigir trabalho como forma de ir aperfeiçoando o atendimento e a tramitação de documentos.
Fonte: Jornal Enter

3 comentários:

Gomes da Moto Gomes disse...

Espero que a administração futura venha para lavar e enxugar a imagem desgastada da anterior.
Quanto ao Prefeito dizer:
- "O resultado das urnas não lhe foi favoravel em Itaipuaçu."
Não se esqueça que por três anos você deixou Itaipuaçu ao Deus dará, então anime-se pois ainda recebeu muitos votos por aqui.
Ninguém obriga ninguém a ser candidato. Se o foi, então cumpra-se a função à que se veio. Está na hora de se mudar esse pensamento politico-partidario e retógrado como obras de antecessores e oposicionistas não devem ser terminadas, ou de que se tive poucos votos ali, nada vou fazer.E os que votaram, como ficam???
Vamos deixar a hipocrisia de lado e aumentar nosso sentimento de responsabilidade, comprometimento, ética e principalmente de Brasilidade.

Vinicius disse...

Gostei dessa parte:
Itaipuaçu e as urnas: Quaquá disse que o resultado das urnas em Itaipuaçu não lhe foi favorável, contudo, não vai deixar de realizar obras no distrito. Vai completar o asfalto da Rua 35 até a rua 123 do Jardim Atlântico e vai começar em 2013 a obra da estrada da orla, com previsão para ser inaugurada em 2014, contou ele.

Espero muito por isso, urbanizar a orla de itaipuaçu é necessário para o crescimento de Maricá, Itaipuaçu ainda vai se tornar a menina dos olhos da região oceanica.

Paulo Roberto disse...

Tudo como antes, no quartel de Abrantes. Feliz 2017 para Maricá!!!

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.