domingo, 20 de janeiro de 2013

Belfort nocauteia Bisping, dispara contra Sonnen e pede revanche com Jones. Confira.

O belo chute de Vitor.

Na luta principal do UFC São Paulo, Vitor Belfort defendeu a bandeira brasileira e com um belo chute alto e uma saraivada de socos já com o adversário no chão, nocauteou o inglês e falastrão Michael Bisping no segundo round da luta. No primeiro round, os dois lutadores se estudaram bastante e quando o cronômetro marcava quase 5 minutos de round, Belfort disparou uma seqüência de golpes que quase colocaram Bisping pra dormir.

No segundo round não teve jeito e o brasileiro saiu com a vitória por nocaute. Na entrevista pós-luta, Belfort chamou Sonnen de palhaço, dizendo que o americano não merece a chance que terá pelo cinturão dos meio-pesados contra Jon Jones e aproveitou para pedir à direção do UFC uma nova chance contra seu último algoz. A novela entre Belfort e Sonnen ainda promete muitos capítulos, mas uma revanche com Jones não deve acontecer, já que Belfort voltou a lutar uma categoria abaixo e pode ter sua revanche não contra Jones, mas contra Anderson Silva.

A luta de Sarafian foi dura.
No Co-Main Event, Daniel Sarafian foi derrotado por decisão dividida pelo americano CB Dollaway. A luta teve momentos espetaculares para ambos e foi eleita a melhor da noite. Sarafian mostrou que pode ter um grande futuro no evento. Outra luta de destaque foi entre Francisco Massaranduba e CJ Keith. O brazuca finalizou no segundo round e a torcida foi ao delírio.

O carismático Massaranduba venceu.
A arbitragem teve destaque negativo dentro e fora do Cage. Na luta entre Iuri Marajó e Pedro Nobre, o primeiro acertou golpes na nuca do segundo, que não teve condições de voltar ao combate e o resultado foi declarado inexistente, o que gerou muitas vaias e protestos da torcida para Nobre. O combate entre Miltinho Vieira e Godofredo Pepey também teve polêmica: ao fim da peleja, todos davam vitória certa para Miltinho, mas o lutador da BTT viu a mão de seu adversário levantada após decisão dividida dos três juízes laterais. Mais vaias e protesto.

No fim, o evento agradou e teve ótimos combates. O UFC não acontecia em São Paulo desde 1998. O evento do século passado teve Vitor Belfort enfrentando Wanderlei Silva na luta principal.

Todos os resultados da noite:

Card principal:
Vitor Belfort venceu Michael Bisping por nocaute com 1:27min do 2º round
CB Dollaway venceu Daniel Sarafian por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Gabriel Napão finalizou Ben Rothwell com guilhotina com 1:01min do 2º round
Khabib Nurmagomedov venceu Thiago Tavares por nocaute com 1:55min do 1º round

Card preliminar:
Godofredo Pepey venceu Miltinho Vieira por decisão dividida (28-29, 29-28, 29-28)
Ronny Markes venceu Andrew Craig por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Nik Lentz venceu Diego Nunes por decisão unânime (30-28, 30-27, 30-26)
Edson Barboza venceu Lucas “Mineiro” Martins por nocaute técnico aos 2:38min do 1º round
Iuri Marajó vs Pedro Nobre interrompida aos 2:11min do 1º round, e terminou em no contest (sem resultado)
Ildemar Marajó finalizou Wagner Caldeirão com chave de joelho aos 2:39min do 2º round
Francisco Massaranduba venceu CJ Keith com katagatame com 1:50min do 2º round

0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.