quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Clube da Música em noite memorável recebe a visita de Zé Katimba


Jô Borges
Galera da percussão
Na noite desta terça-feira, a primeira edição do Clube da Música em 2013 no Bar da Andrea, em Itaipuaçu,  recebeu um público recorde e a honrosa visita do grande artista cantor e compositor, um dos fundadores da escola de samba Imperatriz Leopoldinense, Zé Katimba.

Arilson (cavaco), Risadinha (surdão)
e Aldo Corres (violão)
Badoke e Risadinha
Desde as 19 horas um bom público já se acomodava nas mesas posicionadas no calçadão em frente ao Bar da Andrea a fim de assistir ao evento, já tradicional na cidade, que começou por volta das 20 horas com o excelente grupo de samba e chorinho, Sintonia, desta vez tendo à frente o cavaquinista Arilson e o percussionista Risadinha. Por questões familiares de força maior, o cantor Jorge Mota não pôde comparecer. Ainda assim, os rapazes deram conta do recado e esquentaram a galera no início da noite. Em seguida, a cantora local Jô Borges, sem deixar a peteca cair, fez grande apresentação dando continuidade ao samba, muito bem acompanhada pelos músicos do Sintonia que nesse momento já apresentava uma retaguarda reforçada com a presença dos assíduos percussionistas Alcirlei, Moraes, Vanderley, Mário, Roberto, Badoke e Mackio, além do ótimo músico e violonista Aldo Correa.

Zé Katimba

Zé Katimba
Tão logo terminara a apresentação da cantora Jô Borges, anunciou-se a presença de Zé Katimba entre os espectadores. Antes, porém, a notícia de sua presença ali, acompanhado do líder comunitário  Eduardo Carvalho, que foi quem o trouxera, já causava certo burburinho entre as mesas. Fãs o assediaram incessantemente para sessões de fotos. Todos queriam guardar para si, honrosa lembrança. Muito alegre, brincalhão e simpático, o sambista que completara 80 anos de idade, satisfez a todos gentilmente. Anunciado por Jô Borges, atendeu ao público presente e, para a alegria de todos, cantou três de seus maiores sucessos e contou fatos marcantes e engraçados que ocorreram durante a trajetória de toda a sua carreira. O público ficou encantado e o aplaudiu acaloradamente.

Os músicos e o público se divertem


Lina Bastos e Marcelo 
Léo Bruno Barros (voz e violão) e
Claudio Friaça (cavaquinho)
Sandra Carvalho
Mackio Gabriel
A partir de então, vários artistas compareceram ao palco para dar a sua palinha, entre os quais Sandra Carvalho, acompanhada de Aldo Correa e Lina Bastos com Marcelo cantaram sucessos do samba e  da MPB. No decorrer da apresentação de Lina, apareceu, subitamente, o virtuoso Cláudio Friaça que, ao violão, floreou a apresentação dos dois com lindos solos cromáticos. Depois, assumiu o microfone e fez a galera pular e dançar com o seu repertório sertanejo, cantando vários sucessos em forma de popurri. Antes, porém, o cantor e compositor Léo Bruno Barros, ao violão, cantou algumas de suas mais belas composições. Jandir, com a sua flauta doce mágica também tocou alguns chorinhos famosos acompanhado de Claudio Friaça, ao cavaco, e a galera curtiu bastante. Finalmente, fechando a noite com chave de ouro, a cantora Andréia Santiago, da banda Kamaleoa, acompanhada por Marcelo e de todos os demais músicos instrumentistas que participaram do evento, cantou sucessos internacionais de Santana, Joss Stone, Rihanna, entre outros. Foi uma agradável noite musical.

A próxima edição do Clube da Música, segundo o seu idealizador, Marcos Santiago, será no próximo dia 5 de fevereiro, na primeira terça-feira do mês. Todos estão, desde já, convidados. Até lá!

Andréia Santiago
Claudio Friaça (cavaco) e Jandir (flauta)

As amigas Lucia e Fernanda

Amigos visitantes adoraram o evento

Isabel (Bar Sintonia) e Leila
Casal alto-astral

Thais e Claudio Friaça
Célia Laranja (Celinha)

Marcinha e Raquel Ramos

Eduardo Carvalho e Zé Katimba

Glauco entre amigos

Alcirlei 

Marcos Santiago

1 comentários:

Anônimo disse...

E o Portuga do Vila Mar, sumiu ???

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.