segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

No primeiro clássico do ano, Flu e Bota ficam no empate; Vasco goleia e Fla vence no fim.

Wellington Nem foi o grande
destaque do jogo.


Botafogo 1 x 1 Fluminense

No primeiro clássico do ano, o campeão brasileiro foi melhor, mas cedeu o empate ao Botafogo.

No primeiro tempo, o Flu foi amplamente superior, e após algumas chances desperdiçadas, Wellington Nem marcou aos 42 minutos. O baixinho arrancou do meio campo, carregou até a entrada da área e rolou para Bruno, que devolveu para o atacante dominar e bater firme no cantinho esquerdo de Jefferson.

Na segunda etapa, o Fluminense passou a explorar os contra-ataques e o Botafogo era quem pressionava, principalmente após a entrada de Seedorf aos 7. O Tricolor era mais perigoso. Aos 22, Jefferson salvou duas vezes o Fogão em chutes de Wellington Nem e Jean. Aos 27, Seedorf começou a aparecer em cobrança de falta defendida por Cavalieri. No lance seguinte, o meia tabelou com Lodeiro e, de primeira, deu cruzamento perfeito para Bolívar empatar de cabeça. No último minuto, Bruno Mendes ainda perdeu a oportunidade da virada, chutado fraco demais.

Ao fim da partida, ficou a sensação de que as duas equipes ainda podem melhorar bastante. O Fluminense ainda tem Fred, Deco e Felipe para estrear e o Botafogo precisa contar com Seedorf o jogo todo.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 1 X 1 FLUMINENSE
Local: Engenhão (RJ)
Data/hora: 27/1 - 19h30
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Assistentes: Andréa Izaura Maffra Marcelinho de Sá (RJ) e Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ)
Renda e público: R$ 272.200,00 / 7.367 pagantes
Cartões amarelos: Bolívar e Seedorf (BOT); Diguinho, Valencia e Wellington Nem (FLU)
Cartões vermelhos: Não houve
Gols: Wellington Nem 42'/1ºT (0-1), Bolívar 28'/2ºT (1-1)
BOTAFOGO: Jefferson, Gilberto, Antônio Carlos, Bolívar e Márcio Azevedo (Julio Cesar, 41'/2º T); Marcelo Mattos, Jadson (Seedorf, 7'/2º T), Fellype Gabriel, Lodeiro e Andrezinho (Vitinho, 25'/2º T); Bruno Mendes. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Bruno, Digão, Leandro Euzébio e Carlinhos; Valencia, Diguinho (Wágner, 35'/2º T) e Jean; Thiago Neves (Rhayner, 20'/2º T), Wellington Nem e Rafael Sobis (Samuel, 29'/2º T). Técnico: Abel Braga.



Bernardo marcou duas vezes.
Resende 2 x 4 Vasco

Contando com boa atuação de Bernardo e gol do estreante Leonardo, o Vasco foi bem e venceu sem muitas dificuldades o Resende.

Logo aos 10 minutos, o Vasco abriu o placar em cobrança de falta lateral de Bernardo. A bola passou por toda a zaga e morreu no fundo das redes. Carlos Alberto, em boa fase, fazia boa partida, até sentir um incômodo na coxa e dar lugar a Leonardo. Aos 40, Bernardo cobrou escanteio e Dedé testou firme para ampliar o placar. Ainda no primeiro tempo, o Resende diminuiu o marcador com Dudu, de cabeça.

Na segunda etapa, o Vasco marcou logo no início. Depois de boa jogada de Leonardo, Bernardo bateu rasteiro, a bola desviou na zaga, no goleiro e entrou. Cinco minutos depois, Marcel diminuiu para o Resende. Após o gol, o time da casa passou a pressionar, mas quem teve a melhor chance foi o visitante, com Leonardo, que perdeu chance incrível. Nos últimos minutos, o atacante se redimiu da oportunidade perdida e marcou o quarto gol vascaíno, em chute de fora da área, que desviou na zaga antes de entrar.

Para o Brasileirão, o cruzmaltino ainda precisa melhorar. As laterais ainda estão em nível precário. O lateral-esquerdo peruano Yotún e o ala-direito Nei podem ser as soluções.

FICHA TÉCNICA
RESENDE 2 X 4 VASCO
Local: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Data/Hora: 26/1/2013 - 21h (de Brasília)
Árbitro: Luis Antonio Silva Santos (RJ)
Auxiliares: Daniel do Espírito Santo Parro (RJ) e Alexandre Eller (RJ)
Renda e público: R$ 50.045 / 2.827 pagantes pagantes 
Cartões amarelos: Nenhum 
Cartões vermelhos: Nenhum
GOLS: Bernardo, 10'/1ºT (0-1); Dedé, 39'/1ºT (0-2); Dudu, 46'/1ºT (1-2); Bernardo, 3'/2ºT (1-3); Marcel, 8'/2ºT (2-3); Leonardo, 37'/2ºT (2-4)
RESENDE: Mauro; Dudu, Emerson e Marcelo (Linhares, 34'/2ºT); Filipi, Léo Silva, Tiago Silva (Geovani Maranhão, 16'/2ºT), Josemar (Denilson, 23'/2ºT) e Marcel; Léo e Elias. Técnico: Eduardo Allax.
VASCO: Alessandro; Abuda, Dedé, André e Wendel (Dieyson, 34'/2º); Fillipe Soutto, Pedro Ken e Jhon Cley (Dakson, 15'/2ºT); Carlos Alberto (Leonardo, 35'/2ºT); Bernardo e Eder Luis. Técnico: Gaúcho.


Hernane foi de vilão a heroi
em 3 minutos.
Flamengo 1 x 0 Volta Redonda

Com um gol no último minuto do jogo, Hernane salvou o Flamengo de novo empate e garantiu os três pontos.

Contando com as boas estreias de Elias e João Paulo, o Mengão buscou o jogo a todo momento e teve no jovem Rafinha, o seu destaque pela velocidade e pelas boas chances criadas. Quem ficou devendo foi o atacante Nixon, que vestindo a lendária camisa 10 da Gávea não mostrou um bom futebol.

No primeiro tempo, o Mengão teve duas boas chances com Rafinha, uma oportunidade com González de cabeça e uma falta bem cobrada por João Paulo, que parou nas mãos do goleiro. O Volta Redonda assustou em contra-ataques, mas nada que ameaçasse seriamente o goleiro Felipe.

Na segunda etapa, o time rubro-negro voltou ainda mais disposto e perdeu uma chance no início em cabeçada de Renato Santos, livre dentro da área. Depois, em lance de Rafinha, Cáceres marcou de cabeça, mas o bandeira assinalou impedimento, inexistente, do jovem no início da jogada. Com 19 minutos, Thomás e Cleber Santana entraram nas vagas de Nixon e Ibson, e o time melhorou.

Aos 33, Renato entrou na vaga de Elias, mas não manteve o nível do titular. No fim do jogo o Mengão partiu para decidir. Aos 46, Léo Moura cruzou da direita e Hernane completou de carrinho embaixo da trave, mas a bola subiu demais e saiu. Em seguida, Thomás teve ótima chance, mas chutou para fora. Aos 48, Renato Santos chutou para o gol no que seria a última chance do jogo, a bola explodiu em Hernane e o atacante aproveitou para bater no cantinho esquerdo do goleiro e fazer a festa da galera.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1 X 0 VOLTA REDONDA
Estádio: Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 27/1/2013 - 17h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa( RJ) e Daniel de Oliveira (RJ)
Renda e público: R$ 56.600 / 3.435 pagantes pagantes 
Cartões amarelos: Renato Santos (FLA); Dudu, Frontini e Jancarlos (VOL)
Cartões vermelhos:Não houve
GOLS: Hernane, 48'/2ºT (1-0)
FLAMENGO: Felipe, Léo Moura, González, Renato Santos e João Paulo; Cáceres, Ibson (Cléber Santana, aos 19'/2ºT) e Elias (Renato, aos 33'/2Tº); Nixon (Thomás, aos 19'/2ºT) , Rafinha e Hernane. Técnico: Dorival Júnior.
VOLTA REDONDA: Gatti; Jancarlos, Leonardo Luiz, André Alves e Edu Pina; Dudu, Zé Augusto, Rafael Granja e Adriano Felício (Bruno Barra, aos 20'/2ºT; Léo Andrade (Geraldo, aos 9'/2ºT) e Frontini. Técnico: Alfredo Sampaio.

0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.