quinta-feira, 4 de abril de 2013

Quaquá quer esticar 'o pessoal'

O prefeito Washington Quaquá enviou para a Câmara de Vereadores uma mensagem executiva criando mais cargos para a administração pública municipal. Desta vez são para o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). A proposta está sendo analisada pela Comissão de Constituição e Justiça do Legislativo.

O Cras e o Creas atendem pessoas que tiveram direitos humanos violados, promovendo o acesso a eles. A assessoria não soube informar o número de cargos, pelo fato da proposta já ter sido enviada aos vereadores. O presidente da Câmara, Fabiano Horta (PT), não foi localizado pela reportagem para falar sobre o assunto. Quaquá já tinha publicado em 27 de fevereiro, a criação de um cargo de procurador geral e de quatro subprocuradores.

Hoje, a administração pública municipal conta com 30 secretarias, 105 subsecretarias, 60 assessores especiais de secretários municipais, 15 assessores especiais do prefeito, nove subprocuradores, 80 assessores especiais para projetos, 215 superintendentes, entre outros. A Prefeitura gasta R$ 4,9 milhões por mês com folha de pessoal.

Fonte: A Tribuna

1 comentários:

Anônimo disse...

E preciso dar um basta nesta açoes deste Prefeito lunatico que utiliza as receitas do municipio sem nenhum criterio para satisfazer o simplismente seu interesse politico. BASTA

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.