quinta-feira, 4 de julho de 2013

Maricá na feira da Itália: Recursos públicos para beneficiar projetos privados?

Ricardo Vieira Ferreira - A pergunta é: a Prefeitura de Maricá vende imóveis, atua como incorporadora, construtora ou como corretora? Aí está a esperteza do revolucionário bolivariano do PT de Maricá.

Maricá está sendo ocupada por empresas poderosas do ramo imobiliário com condomínios de luxo à venda e novos que estão sendo gestados. S.Excia. Quaquá, o Prefeito, faz de tudo para lotear a restinga e as terras de Jaconé e cada metro quadrado que encontrar. A imagem do site da Feira onde plantou o 'stand' com o dinheiro dos impostos, diz bem: REAL ESTATE ITALIANO! O que é REAL ESTATE? Segundo o NÚCLEO DE REAL ESTATE DA ESCOLA POLITÉCNICA DA USP - Universidade de São Paulo -, a mais conceituada universidade brasileira, “Real Estate é o setor dos produtos e empreendimentos imobiliários ou com base imobiliária”.

Estamos diante de provável IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA, pois os benefícios diretos virão para os donos das terras e dos incorporadores dos citados negócios imobiliários. Querem enganar a população dizendo que vão atrair investimentos para Maricá.

Os interessados diretos nos negócios gerados na Itália não gastaram um único tostão na montagem do tal stand e nos demais custos que envolveram o deslocamento do séquito de S.Excia. Quaquá para a cidade de Milão.

O que lucrou o Município e nossa população com a venda de terrenos caríssimos até agora? O Ministério Público será provocado para investigar o que nos parece ser mais uma operação suspeitíssima do atual desgoverno.

Fonte: Jornal Maricá em Foco

0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.