segunda-feira, 29 de julho de 2013

Quaquá diz que a estrutura de sua administração é "enxuta"

BRASÍLIA - O prefeito de Maricá, Washington Quaquá, afirmou que os militantes do PT nomeados para cargos em sua administração foram escolhidos por sua experiência e que todos eles cumprem expediente. Ele não respondeu diretamente à acusação de compra de votos para se eleger presidente do partido. Dizendo-se “avesso a gabinetes”, o prefeito afirmou que alguns petistas não são conhecidos no local em que estão lotados porque trabalham na rua. E para Quaquá, que disse ser contra o “Estado mínimo”, a estrutura da prefeitura, com 30 secretarias, é “enxuta”.

A assessoria de imprensa da prefeitura afirmou que houve “um equívoco de edição” na nomeação de Wilson Ricardo Albino Pereira, que não foi localizado em seu posto de trabalho. Segundo a assessoria, ele é assessor da Secretaria de Direitos Humanos, e não subsecretário da Chefia de Gabinete, como consta no Jornal Oficial, um “equívoco que será corrigido”.

Quanto a Liedio Luiz da Silva, a assessoria de imprensa afirmou que ele não é mais funcionário da prefeitura. Questionada sobre a data da exoneração, a assessoria afirmou que teria sido no dia 30 de junho, mas o ato ainda não foi publicado no Jornal Oficial devido “a um acúmulo de documentos para publicação”. Segundo a assessoria, a portaria com a exoneração será publicada amanhã (hoje). Desde o dia 30 de junho foram publicadas sete edições do Jornal Oficial de Maricá.

Já Samuel Coutinho de Brito trabalharia em um núcleo de pesquisas que prepara a implantação da “Moeda Social Mumbuca”, que dará R$ 70 por mês para famílias de baixa renda. Segundo o prefeito, esse núcleo tem 45 pessoas e está fazendo o levantamento do perfil socioeconômico dos moradores.

— Eles estão indo de casa em casa levantar esse perfil, que é necessário para a implantação da Moeda Social Mumbuca, e não são mesmo conhecidos de quem trabalha só no escritório — disse Quaquá, por e-mail.
Para justificar que a estrutura da prefeitura de Maricá é “enxuta”, Quaquá diz que o gasto com pessoal está hoje em 37% do orçamento municipal, abaixo, portanto, do teto de 54% da Lei de Responsabilidade Fiscal.

— Não sou a favor do Estado mínimo. É preciso sair da caixa e olhar para os desafios que o crescimento vertiginoso aqui nos impõe. Sou a favor de ter uma estrutura que funcione e que esteja à altura desses desafios à administração pública — escreveu o prefeito.

Quaquá afirmou ainda que, apesar de as nomeações serem retroativas, os petistas não receberam os salários anteriores. 

Maricá tem 30 secretarias, duas a mais que o Rio

Segundo a prefeitura, cidade, que tem 127 mil habitantes, conta ainda com 92 subsecretarias e mais de 4.600 servidores

BRASÍLIA - Com 127 mil habitantes, Maricá tem 30 secretarias municipais, duas a mais do que a prefeitura do Rio. Até dezembro eram 37, como ainda consta do site oficial da prefeitura. Mas, segundo a assessoria de imprensa da administração de Washington Quaquá (PT), houve uma reestruturação que reduziu o número. Segundo a estrutura organizacional veiculada no site, Maricá possui 92 subsecretarias. O total de servidores passa de 4.600: 2.759 servidores efetivos e 1.850 comissionados, de acordo com a prefeitura.
O número de subsecretarias pode ser maior: em nomeações publicadas no Jornal Oficial da Cidade aparecem outras que não estão no site, como a de Projetos Estratégicos e Captação de Recursos, ligada à Secretaria de Meio Ambiente; e a de Esportes de Massificação, vinculada à de Esportes
Nessa estrutura há secretarias que tratam aparentemente de assuntos correlatos, como a de Conservação Urbana e a de Desenvolvimento Urbano. A primeira, segundo sua página na internet, resume-se à pavimentação de ruas. Esse serviço, porém, também é feito pela Secretaria de Obras, no programa “Asfalto na Porta”. A de Desenvolvimento Urbano cuida da urbanização de canais, multa construções irregulares e de novos empreendimentos. Ainda na seara de questões urbanas, há a Secretaria de Energia e Iluminação Pública.
Para a área social são cinco pastas: Ação para Idosos; Assistência Social; Assuntos Religiosos; Direitos Humanos e Cidadania; além do Instituto de Seguridade Social de Maricá, com status de secretaria. E há uma proliferação de subsecretarias. A Secretaria de Ações para Idosos tem uma Subsecretaria de Ações para Idosos. Entre as quatro subsecretarias da Secretaria de Esportes, há uma de Fomento da Prática Esportiva e outra de Fomento ao Desporto.
Em dezembro, na reestruturação feita por Quaquá, em seu segundo mandato, foram extintas, de acordo com a prefeitura, as secretarias de Gestão de Metas do Governo e Controle Interno e Fiscalização, e Planejamento, entre outras.

RIO - Confira baixo todas as secretarias da cidade que tem 127 mil habitantes 
Secretaria Municipal de Ações para Idosos 
Secretaria Municipal de Meio Ambiente 
Secretaria Municipal de Assuntos 
Secretaria Municipal de Urbanismo 
Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico 
Secretaria Municipal de Educação 
Secretaria Municipal Executiva 
Secretaria Municipal de ISSM ( Instituto de Seguridade Social de Maricá) 
Procuradoria Geral ( possui status de secretaria) 
Secretaria Municipal de Trabalho 
Secretaria Municipal de Administração 
Secretaria Municipal de Articulação Política 
Secretaria Municipal de Assuntos Religiosos 
Secretaria Municipal de Controladoria Geral 
Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano 
Secretaria Municipal de Energia e Iluminação Pública 
Secretaria Municipal de Fazenda Secretaria Municipal de Obras 
Secretaria Municipal de Saúde Secretaria Municipal de Transporte 
Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca 
Secretaria Municipal de Assistência Social 
Secretaria Municipal de Chefia de Gabinete 
Secretaria Municipal de Cultura 
Secretaria Municipal de Diretos Humanos 
Secretaria Municipal de Esportes 
Secretaria Municipal de Habitação 
Secretaria Municipal de Ouvidoria 
Secretaria Municipal de Segurança 
Secretaria Municipal de Turismo 
No site da prefeitura constam 37 secretarias. Segundo assessoria da prefeitura , em dezembro do ano passado houve uma reestruturação. 
Veja as secretarias que foram extintas: 
Secretaria de Gestão de Metas do Governo 
Secretaria de Controle Interno e Fiscalização 
Secretaria de Coordenação Geral de Projetos Especiais e Ações Estratégicas 
Secretaria de Comunicação Social Secretaria Extraordinária de Reestruturação da Máquina Administrativa Secretaria da Infância e Juventude Secretaria de Planejamento


Matérias publicadas no jornal O GLOBO do domingo 28 de julho.

3 comentários:

Anônimo disse...

Os recursos dos royalties deveriam ser empregados em infraestrutura, capacitando a cidade para suportar a demanda do crescimento populacional. Quem circula por Itaipuaçu sabe muito bem que isto não está acontecendo. O dinheiro está sendo rasgado com cabides de emprego e muita falcatrua.

Vinicius disse...

Funciona bem disse o Quaquá. Tenta enviar e-mail para qualquer secretária para ver a resposta. Ninguém atende, ninguém sabe de nada.

NOSTRADAMUS disse...

TUDO MENTIRA, O PREFEITO MENTE, MENTE, O TAL DE SAMUEL QUE TRABALHA NA RUA POR QUE TEM EXPERIÊNCIA, MAIS MENTIRA, SAMUEL É MORADOR DE SÃO GONÇALO, FILIADO AO PT, TABALHA PARA ELEGER QUAQUÁ NA ELEIÇÃO DA ESTADUAL DO PT. E A EXPERIÊNCIA QUE ELE TEM E EM CAMPANHA POLÍTICA, PARA TANTO TRABALHOU NA CAMPANHA DO SECRETÁRIO DE DIREITOS HUMANOS DE MARICÁ, SR. MIGUEL MORAIS, PORTANTO, SE O MIGUEL CONSEGUIU ATRAPALHAR A ELEIÇÃO DE KONDER À PREFEITO DE SÃO GONÇALO, O MESMO OCORRERÁ COM A ELEIÇÃO DO QUAQUÁ AO DIRETÓRIO ESTADUAL, AGUARDEM E DEPOIS ME FALEM.

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.