sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Análise da luta – Maurício Shogun X Chael Sonnen – UFC on Fox Sports 1


No próximo sábado, acontecerá o UFC on Fox Sports 1. Como todo evento de inauguração em um canal americano, este terá um card espetacular para deixar boa impressão aos telespectadores. Na luta principal, Maurício Shogun, ex-campeão dos meio-pesados, enfrentará Chael Sonnen, ex-desafiante dos médios. Shogun vem de derrota e mais do que isso, enfrenta uma fase irregular na carreira. Das últimas cinco lutas, três derrotas. Ele tentará se recuperar de seu último revés para Alexander Gustafsson contra o americano mais odiado pelos brasileiros nos últimos tempos.

O falastrão mais popular do MMA também vem em uma fase ruim. Duas derrotas nas últimas duas lutas, em disputas de cinturão contra Anderson Silva (médios) e Jon Jones (meio-pesados). Sonnen tentará, além de se recuperar da sequencia ruim, quebrar uma escrita ruim para sua carreira. Ele perdeu para todos os brasileiros que já enfrentou. Apesar de ter declarado que voltará à categoria dos médios, o falastrão terá na luta contra Shogun, a chance de mostrar que ainda pode disputar o cinturão da categoria em que hoje reina Chris Weidman.



Trocação:

A implacável surra sofrida para Jones.
Maurício Shogun já foi um dos strikers mais temidos do mundo. No Pride, sua potência devastadora fez muitas vítimas. No UFC, Liddel, Coleman, Machida, Griffin e Vera provaram de seus nocautes. As atuações diante de Jones e Gustafsson provaram que o poder do brasileiro não é mais o mesmo. Golpes lentos e previsíveis não foram capazes de parar os jovens ávidos pelo sucesso, porém ainda é o suficiente para deixar Sonnen com a cara na lona. Basta manter a luta em pé.

O circense golpe que Sonnen
tentou dar em Anderson.
Chael Sonnen está há muitos anos no MMA, mas continua fraco e previsível em pé. Usa sua agilidade apenas para se aproximar e tentar as quedas. Não tem uma arma que ameace o brasileiro. Na última vez que se arriscou em pé, caiu de forma ridícula no chão e foi destruído por Anderson Silva. Se sobreviver mais de um minuto lutando em pé contra Shogun será uma vitória.


Quedas:

Ainda pelos médios, Sonnen
venceu Okami nas quedas.
MS: Gustafsson, Jones e Machida o derrubaram com facilidade, porém todos eles contavam com boas técnicas em pé, capazes de surpreender o ex-campeão nas quedas. Não é o caso de Sonnen, mas historicamente, Shogun não se prepara para seu oponente e faz seu jogo de sempre, aberto e buscando o nocaute a cada golpe. É provável que seja quedado mais de uma vez e só se espera que consiga se levantar rapidamente.

CS: Especialista nas quedas. Entre os médios, era a maior referência neste quesito. Enfrentou Jones e saiu com a moral abalada, uma vez que prometera levar o campeão ao solo, mas não só não conseguiu tal façanha, como foi quedado com facilidade e destruído no chão. Como em todas as suas lutas, usará seu wrestling para derrubar Shogun e vencer nos pontos.


Chão:

Única finalização
da carrerira de Shogun.
MS: É sempre elogiado por seus treinadores, que elevam seu jiu-jitsu ao mais alto nível, mas o fato é que possui apenas uma finalização em toda a carreira e ela aconteceu em 2006, contra o fraco no solo, Kevin Randleman. Diante de Jones alcançou boas posições, mas não conseguiu a finalização. Contra Gustafsson ensaiou uma chave de perna, mas também não foi capaz de dar sequencia ao movimento. Seu adversário deste sábado sofre com a fragilidade no jiu-jitsu e pode ser sua segunda vítima no chão.

O jogo de Sonnen em uma imagem.
CS: Por baixo, já ficou provado que não sabe nada além de proteger a cabeça dos golpes. Por cima, tem sempre a energia necessária para controlar seus rivais, mesmo não aplicando grandes danos a eles, e é isso que tentará fazer contra Shogun. Chegou a montar em Anderson na segunda luta entre eles e talvez seja essa sua grande façanha no solo. Finalizou Brian Stann há cerca de dois anos e mostrou uma evolução em seu jogo de finalizações.


Caminho para a vitória:

A pressão surtiu efeito tardio em Vera.
O gás é que não ajudou.
MS: Manter a luta em pé. Pressionar Sonnen, sem dar espaços para as quedas. Como seu adversário só possui uma arma, ficará simples se Shogun se preocupar em defender as quedas e jogar seus poderosos socos e chutes no falastrão. É bom também que tenha se preparado melhor fisicamente do que nas últimas lutas.


CS: Derrubar, controlar, socar e não deixar levantar. Fazendo isso com competência nos três primeiros rounds, é provável que canse seu adversário e tenha facilidade em levar os dois rounds seguintes e vencer em sua especialidade: a decisão dos juízes.


0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.