segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Botafogo vence o Vasco e se mantém líder

Por William Amaral

Fla goleia o Galo e Flu empata com a Ponte

Estrela continua brilhando. Botafogo e Vasco se enfrentaram no Maracanã e o time de General Severiano manteve a boa fase, vencendo o rival e permanecendo na liderança do Brasileirão. Melhor desde o início, o Fogão abriu o placar aos 23, depois que Gabriel arriscou de longe, Rafael Marques interceptou e bateu no canto. Seguindo superior, o líder do campeonato ampliou o placar sete minutos depois, com Seedorf, que recebeu de Vitinho e deu belo toque por cobertura. Aos 45, o Vasco diminuiu após Juninho receber de Éder Luís, aplicar um lindo giro, que tirou os dois zagueiros do Botafogo da jogada, e rolar para André marcar com o gol vazio. No segundo tempo, o jogo voltou fervendo, com o Vasco empatando logo aos 2 minutos, quando André pegou rebote da trave e empurrou para o gol. Não deu nem para comemorar. Um minuto depois, Rafael Marques recebeu livre no bico da grande área, deixou o fraco Nei no chão e mandou no ângulo. Golaço. O jogo caiu de ritmo e o Botafogo manteve o resultado e a liderança do campeonato, com 23 pontos. Já o Vasco caiu para a 10ª posição, com os mesmos 14 pontos.

Pra lavar a alma. Após a derrota acachapante para o Bahia na última quarta-feira, o Flamengo voltou a campo contra o campeão da Libertadores e goleou. A vitória pode marcar o início de uma arrancada. Precisando dar uma resposta à torcida, o Flamengo abriu o placar logo aos 7 minutos, quando Marcelo Moreno serviu Nixon, que só desviou para as redes. No lance, Moreno sentiu lesão e deu lugar a Rafinha. Aos 13, Elias recebeu na entrada da área e bateu firme no canto para ampliar. O Mengão seguiu superior e perdeu muitas chances, até que aos 31 da segunda etapa, resolveu matar o jogo. Nixon lançou Paulinho, que deixou Victor no chão e bateu para fechar o placar. Com a vitória, a equipe rubro-negra foi à 12ª colocação, com 13 pontos.

Empate ruim. O Fluminense foi ao Moisés Lucarelli e jogou bem diante da Ponte Preta, saiu na frente, mas sofreu um amargo empate no fim. Com Fred, em campo por conta de um efeito suspensivo, o Fluminense fez um primeiro tempo equilibrado e nenhuma das duas equipes teve boas chances de marcar, porém isso durou até os 42 minutos, quando o garoto Igor Julião foi derrubado dentro da área. Pênalti, que Fred bateu e desperdiçou, assim como na última partida, diante do Cruzeiro. Na volta para a segunda etapa, o tricolor entrou mais ligado e abriu o placar aos 4 minutos, quando Sóbis cruzou e Gum testou no ângulo. Após o gol, o Fluminense se fechou para explorar os contra-ataques e fazia um bom trabalho até que aos 40 minutos, William aproveitou cruzamento de Alemão e completou para as redes. Empate com péssimo sabor para o Fluzão, que foi a 13 pontos.

UFC. Rolou no sábado, o UFC 163 ou UFC Rio 4. Na luta principal, José Aldo espantou a zebra e derrotou Chan-Sung Jung, mais conhecido como Zumbi Coreano, e manteve o cinturão dos pesos-pena. O brasileiro nocauteou o rival no 4º round, depois que o asiático deslocou o ombro esquerdo por conta de um soco de Aldo. No Co-main Event, Lyoto Machida fez uma luta morna com Phil Davis e foi derrotado na decisão unânime. O julgamento foi muito contestado pela torcida e pelo lutador, porém a vitória do americano não foi um absurdo. Outros lutadores merecem destaque, como Cezar Mutante, que finalizou seu adversário em 47 segundos. O australiano Anthony Perosh, que nocauteou o brasileiro Vinny Magalhães em apenas 14 segundos. A brasileira Amanda Nunes nocauteou a alemã Sheila Gaff em pouco mais de dois minutos e também para o ótimo duelo entre o americano Ian McCall e o brasileiro Iliarde Santos, que terminou com vitória do primeiro na decisão, e foi considerada a melhor luta do evento.

0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.