quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Vasco vence Nacional-AM pela Copa do Brasil

Por William Amaral

Bagunça na CBF e Botafogo sem grana de vendas

Vitória fora. O Vasco foi ao Amazonas enfrentar o Nacional pelo jogo de ida das oitavas-de-final da Copa do Brasil e venceu por 2 a 0. O jogo, disputado em péssimo gramado, não foi bom. O time da casa começou melhor, mas não aproveitou a superioridade e foi castigado no fim do primeiro tempo, com gol de Tenório, de cabeça, após cobrança de escanteio. Na segunda etapa, o time amazonense criou boas chances para empatar, mas parou na ótima atuação do goleiro vascaíno, Diogo Silva. Aos 46, Éder Luís sofreu pênalti, que Tenório converteu e garantiu boa vantagem ao Gigante da Colina, que tem tudo para assegurar a vaga nas quartas-de-final do torneio. O jogo da volta acontecerá no dia 29 de agosto, em São Januário.

Bagunça. A CBF se superou. Após o São Paulo fazer uma excursão pela Europa e ter jogos do Brasileirão adiados, a entidade maior do futebol brasileiro remarcou as partidas do clube paulista. O problema é que de acordo com a tabela atualizada, o time de Rogério Ceni disputará quatro partidas em apenas oito dias. Quem também foi prejudicado pelas remarcações de partidas foi o Náutico, que jogará três vezes em seis dias. O presidente do clube pernambucano, Paulo Wanderley, já avisou que seu clube poderá não entrar em campo, uma vez que o prazo de 66 horas entre uma partida e outra não for cumprido.

Não foi para a conta. O Botafogo, que há pouco tempo vendeu dois de seus principais jogadores, não viu a cor do dinheiro. A verba das vendas de Fellype Gabriel (R$ 3,6 milhões) e Andrezinho (R$ 4,4 milhões) não chegou aos cofres do clube, pois foi penhorada pela Receita Federal.

0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.