quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Itaipuaçu: Di Lidia inaugura com sucesso o primeiro boliche da região

Mais uma nova alternativa de entretenimento foi inaugurada no final da tarde desta terça-feira (24) em Itaipuaçu. O tão esperado boliche, primeiro e único em toda a região de Maricá, o "Di Lidia Bowling", abriu suas portas no prédio anexo à Pizzaria e Galeteria Di Lidia, na Avenida Vitória Régia, no Barroco.

O bom público que compareceu à nova casa pôde conferir suas
luxuosas instalações com seis pistas equipadas com painéis de pontuação para desempenho dos jogadores, iluminação especial, além de modernas máquinas de jogos eletrônicos.
Diversos moradores da região, entre os quais algumas personalidades vips estiveram presentes, acompanhados de suas famílias e se esbaldaram de tanto brincar. O proprietário, Afonso Vercosa, ficou feliz e emocionado ao ver os pais com suas crianças e amigos ensaiando performances ao lançarem as bolas na pista em direção aos boliches. "Essa é a maior satisfação. Ver as famílias alegres e se divertindo", comentou.

O Di Lidia Bowling funcionará todos os dias, sempre no mesmo horário de funcionamento da Pizzaria e Galeteria Di Lidia, anexa ao estabelecimento, a partir das 17h. Os preços variam conforme os dias. De 2ª a 5ª-feira a brincadeira custa R$ 84,00/hora para até 8 pessoas. Sexta, sábado , domingo, véspera e dia de feriado o preço é R$ 96,00. Confira, abaixo, mais fotos da inauguração:


Renato Barroco com sua esposa, Flávia, acompanhada de sua linda filha

Luis Carlos Morreba acompanhado de seu filho, Luis

O empresário de shows e eventos Gilson PK também prestigiou a nova casa

As crianças se divertiram bastante

Di Lidia Bowling, na avenida Vitória Régia

Jogador lança a bola em direção aos boliches

Os "maitres" Queiroz e Marcelo
garantem o bom atendimento

12 comentários:

Anônimo disse...

Mais uma iniciativa de empresários que acreditam no progresso de Itaipuaçu e Maricá, a despeito do que vemos nas ruas. Parabéns por acreditarem e oferecerem diversão de alta qualidade aos moradores.
Entretanto o preço cobrado está um pouco fora da realidade não acham?
No dia da inauguração estar cheio é uma boa porém, com esses preços acho difícil de se manterem.
Um dos melhores boliches do RJ, o do Norte shopping no cachambi tem o preço mais atraente e olha que não faltam frequentadores, até porque fica no shopping.
Mas esse é um outro problema, mais uma vez parabéns aos donos da Di Lídia, que além de servirem uma excelente pizza trazem mais uma atração para os moradores de Itaipuaçu.
Sucesso no empreendimento e que baixem os preços!!!

Francisco São Bento da Lagoa

Robson Oliveira disse...

Parabéns pelo interesse desses Empresários. Esse investimento é um bom sinal de Itaipuaçú pode crescer. Quanto aos preços, eu achei salgado para a realidade da Região. Poderiam ser menores! Boa sorte ao no empreendimento!

Anônimo disse...

Concordo com os comentários acima, principalmente no que se refere aos preços. Pensei em levar meus meninos, mas já desisti, não ganho para fazer uma despesa desse porte. Se tivesse condição para isso, moraria no Recreio dos Bandeirantes, na Barra da Tijuca, não em Itaipuaçu. Mesmo assim, desejo sucesso aos empreendedores; afinal, eles não são culpados de aposentado ganhar tão pouco.

Luiz Morreba disse...

Satisfação e orgulho. Esses são sentimentos de quem vive e decidiu viver nesse paraíso que é Itaipuaçu! Parabéns e vida longa a esse ponto de lazer que com certeza será motivo de visitas e permanência em nosso Distrito de Itaipuaçu! Sucesso ! Agora tenho dois motivos para comparecer a Di Lídia, o nhoque de aipim e o boliche!

Anônimo disse...

Nós do 4u language course comemoramos mais esse espaço. Parabéns!

Anônimo disse...

tem que ser muito corajoso pra invetir num lugar abandonado como Itaipuaçu. Lá não tem ingra-estrutura nenhuma, nems equer asfalto nas ruas, não tem uma delegacia, um hospítal, esgoto, água, é servida por apenas u7ma empresa de ônibus que cobra as passagens mais caras da região metropolitana, a praia é abandonada e está ameaçada por um emissário que vai jogar resíduos tóxicos há 3 kms do litoral e em frente às ilhas Maricás, metade da população é funcionário da prefeitura sem concurso e reelegeu um prefeito cassado em duas instâncias. O prefeito não faz nada pelo lugar e investe em....escolas de samba de Caxias, onde pretende consguir votos pra sua mulher ser deputada. Enfim, um distrito caótico que piora a olhos vistos, tem que ter muita coragem, desejo toda sorte ao empresário.

Sagatinha disse...

show ,Parab�ns pelo espa�o

Anônimo disse...

Parabéns pelo empreendimento, pena que não é no centro de Maricá, em relação ao preço no final de semana R$ 96,00 dividido por 8 pessoas, R$ 12,00 por jogador, está bom, pois se divertir com R$ 12,00 está barato, melhor do que gastar com CACHAÇA. Sucesso.

Anônimo disse...

Que alegria ler isso! Me deixou muito feliz. Di Lidia faz sucesso, porque trata o morador e turista que vái pra Itaipuaçu como ele merece ser tratado: com bons serviços e requinte. Parabéns pela iniciativa pioneira em Maricá. Vou levar meus amigos aí e todos façam o mesmo, convidem seus amigos para o Boliche, pois é o único de Maricá e é diversão na certa. Abç a todos os apaixonados por Itaipuaçu, assim como eu!!!

Anônimo disse...

Que Barra da Tijuca e Recreio que nada. Itaipuaçu é o melhor lugar pra se viver, porque ainda vái melhorar muito e merecmos o desenvolvimento, mas realmente o preço tá meio salgado. Acho que se abaixar o preço do boliche vái aumentar mais o público. A população de Itaipuaçu e turistas que frequentão este paraíso anceiam por diversão e não só comer e beber. Parabéns pela inicitaiva, mas abaixa um pouco o preço.

Anônimo disse...

Na boa, tem um comentário negativo acima que deve ser ignorado, visto que vejo vários negócios em Itaipuaçu prosperando. Acho que o que influencia no négócio dar certo é: a localização, o ambiente, bom tratamento, preços acessíveis, divulgação e promoções tbm são a alma do negócio; tipo: veio com um grupo de amigos cinco vezes jogar, ganha uma rodada de graça, ou sei lá, outros tipos de promoção e muita divulgação, como distribuir panfletos na porta de colégios e fazer com que o jovem se sinta atraído ao lugar e faça dele uma referência, fazendo com que convidem todas a familia, e as crianças mais novas com certeza ficaram fascinadas com os fliperamas. Tem que fazer com que seja algo para toda a familia, algo globalizado, e inclusive atrair as milhares de pessoas que já frequentam a pizzaria pra comer e beber, porque é muita gente, e atrai-las tbm de alguma forma para o boliche. É necessário atrair não só o morador e turista de Itaipuaçu, mas tbm o morador de Maricá, o morador de Niterói, na parte da Região oceânica que fica logo ao lado, botar um carro de som na rua divulgando. Tem que globalizar para bombar!!!

Adriani Maciel disse...

Ameiiiii!!!! Que lugar delicioso!!! Ambiente familiar, comida boa e atendentes mto bem preparados!!! Parabéns!!!!

Postar um comentário

O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.