sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Maricá: Professores ocupam a prefeitura e Quaquá recusa diálogo

Após um grande ato na praça central da cidade de Maricá realizado na manhã desta quinta-feira (26), professores, sindicalistas e profissionais da educação dirigiram-se até o prédio da prefeitura onde, segundo informações, pretendiam ter uma audiência com o prefeito. 

De início, guardas municipais tentaram impedir a entrada da categoria, mas, depois de uma educada e ordeira negociação, os professores conseguiram ocupar o andar térreo do prédio. Porém, o prefeito não os recebeu.  

Em um determinado momento, apareceu o chefe de gabinete do prefeito, Kleber Otero, que já foi sindicalista na cidade de São Gonçalo, com a informação de que, tanto o prefeito Quaquá como o seu vice, Marcos Ribeiro, estavam, naquele momento, fora da cidade e por essa razão não teriam como recebê-los. Todavia, de acordo com outras informações, Quaquá recusara-se a dialogar alegando que a categoria não o respeita, haja vista que em certa ocasião o mesmo fora caricaturado como Pinóquio.

Assim, os profissionais de educação, em assembléia no interior da sede da prefeitura, decidiram paralisar as atividades entre os dias 7 e 11 de outubro próximo. Há meses que eles reivindicam equiparação salarial, plano de carreira e carga horária de trinta horas.

Com informações e fotos de Ricardo Vieira Ferreira (Maricá em Foco) 

MF 50 Página 5 Sind. 4


1 comentários:

03 disse...

o pato,foi professor do maternal, mais o bafo etilico, deixavam as criancinhas letargicas,depois deu aula no Mobral nao conseguindo formar nenhuma turma, dai vem a sua implicancia com a categoria

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.