segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Deputado Brazão vai a Itaipuaçu e prestigia emancipacionistas

Dep. Brazão, ao lado de Sérgio Santos, pousa para foto
(Foto: Marcelo Bessa)
O deputado Domingos Brazão, líder da bancada do governo na Alerj, compareceu, na manhã deste sábado (9), em Itaipuaçu, a um café da manhã na residência do ex-candidato a vice-prefeito de Maricá e um dos mentores do grupo emancipacionista C-PAREI, Sérgio Santos.

No encontro, que também contou com a presença de amigos, líderes comunitários e políticos da localidade, foram discutidas propostas para a criação de uma Comissão Pró-Emancipação Política do 3º Distrito (Itaipuaçu/Inoã).

O anfitrião reuniu seus convidados em sua confortável sala de jantar e iniciou uma breve explanação, dirigindo-se principalmente ao deputado, acerca
Brazão é favorável à municipalização, mas sugeriu cautela 
de alguns dos principais problemas e carências do distrito, em especial Itaipuaçu, ressaltando que Maricá ainda trata a localidade como se fora uma colônia. "Aqui ainda não temos agências bancárias, água encanada, esgoto, serviços públicos...no entanto, já somos responsáveis por quase metade de toda arrecadação de IPTU no município", enfatizou. Em seguida ofereceu a palavra ao nobre deputado que, de início, teceu elogios à beleza do lugar e afirmou estar disposto a levantar esta bandeira. Todavia, lembrou que deve-se ter muito cuidado e cautela, pois a municipalização do distrito não poderá causar prejuízos ao distrito-mãe (Maricá). Como exemplo, citou alguns casos de emancipações que não deram certo. Não obstante, prometeu mandar fazer um levantamento sobre tudo que há em relação ao município, já como um pontapé inicial.

90% dos 'royalties' para Maricá seriam de Itaipuaçu

O presidente do CONCIT, Conselho Comunitário de Itaipuaçu, Adilson Maués, que estava entre os convidados, aproveitou o ensejo e passou às mãos do deputado um documento com propostas e projetos para melhorias em todo o distrito, tanto nas áreas de infraestrutura como nas de turismo, cultura e lazer.

Adilson Pereira, ao lado de Maués, fala sobre o potencial
de riquezas para Itaipuaçu (Foto: Marcelo Bessa / IS)
O ponto de vista técnico e didático do especialista em petróleo e gás, prof. Adilson Pereira, despertou em todos, fatos até então desconhecidos. Segundo o professor, o Comperj vai sair, de fato. E, com a ajuda de um mapa elaborado pelo Governo do Estado, e conforme suas linhas ortogonais, o Reservatório de Tupi, também conhecido como Campo Petrolífero de Lula, dos 100% de 'royalties' para o Estado, 14% são para Niterói e 86% para a cidade de Maricá. No entanto, desses 86%, 90% estão em Itaipuaçu.

Ao final, o deputado Brazão exaltou mais uma vez que adorou ter conhecido a cidade, na sua avaliação, "um lugar maravilhoso", e prometeu voltar tão logo possa, mas desta vez, segundo ele, com toda a família.

4 comentários:

Anônimo disse...

Tomara que isso aconteça de verdade. Itaipuaçú agradece.

Anônimo disse...

Tomara que este sonho se torne realidade. Itaipuaçú merece respeito!

Anônimo disse...

E assim, os tolos alimentam suas fantasias...

Anônimo disse...

No minimo esse sergio santos nao consegui sua boquinha com nosso prefeito pato e agora quer emancipar itaipuaçu como se isso fosse resolver todos os problemas de itaipuaçu

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.