quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Empresa municipal de transportes - Começaram a casa pelo telhado!

Ricardo Vieira Ferreira -  Como S.Excia. só pensa em eleição todo o tempo, numa daquelas tiradas geniais decidiu comprar ônibus para fazer mais propaganda. Afinal, além da sua eleição para o PT (eles se merecem) a digníssima primeira dama vai, de novo, disputar uma vaguinha para a ALERJ. Vejam que interessante: não existe empresa alguma, não existe garagem, escritórios, pessoal administrativo, não existem motoristas, mecânicos, cobradores, oficinas, enfim, compraram primeiro, o telhado.

A proverbial incompetência da turma levou à divulgação de uma Sociedade Anônima – S/A. Ao mesmo tempo diziam que as tarifas seriam reduzidas até ZERO. Quem seriam os debilóides que aceitariam ser sócios de uma empresa sem lucros? Primeiro resultado já se vê na foto, onde os ônibus já aparecem sem o famigerado símbolo S/A!

Fomos informados que S. Excia. pretendia licenciar a “frota” com placas vermelhas, mas o DETRAN não aceitou! Se os veículos são da prefeitura só placas brancas, EXCELÊNCIA!

Fonte: Jornal Maricá em Foco

7 comentários:

PP TV disse...

IGNORAR ALGO É COMUM, PQ POR MAIS ERUDITO Q SE SEJA, NÃO SE SABE TUDO. MAS NÃO SE ASSESSORAR DE PESSOAS COMPETENTES EM UMA ÁREA BÁSICA COMO DIREITO, É BURRICE!!! ANTES DE CRIAR MAIS ESTE FACTOIDE, O PATO DEVERIA TER PEDIDO UM PARECER DE UMA CONSULTORIA JURÍDICA, JÁ QUE OS ADVOGADOS DO MUNICÍPIO, PELO VISTO, TIRARAM OS DIPLOMAS NAS COXAS!

Caio Ávila disse...

PARCERIA ENTRE PREFEITURA DE ARARUAMA E A EMPRESA DE ÔNIBUS DO MUNICÍPIO (MONTE BLANCO) JÁ COLOCOU OS 10 ÔNIBUS PRA RODAR E A POPULAÇÃO JÁ ESTÁ SENDO BENEFICIADA.
ISSO MOSTRA PARA O PREFEITO DE MARICÁ QUE BRIGA COM A (VIAÇÃO N SRA. AMPARO), TRÁS PREJUÍZO PARA A POPULAÇÃO DA NOSSA CIDADE
http://www.youtube.com/watch?v=rbCyVfPCrW4

Branca Souza disse...

Quaquá, com todo respeito, quando eu o conheci pessoalmente, não podia dizer que vc chegaria a tanto, só para tentar se reeleger, ou eleger alguém do PT. O dinheiro que vc gastou na compra desses ônibus, vc deveria ter investido no hospital, que diga-se de passagem, está uma porcaria, não tem UTI, se alguém cair lá em estado grave acabam de matá-lo. Mas vc nunca precisará de uma internação lá, não é, vc tem dinheiro, que afinal é do povo, vc entrou pobre e agora está rico. Olha, tudo que se faz, nos volta, e essa volta é para todos, a Lei de Causa e Efeito, recairá sobre vc também. Cuidado!

Anônimo disse...

Santo Deus!! Seria o Chefe do Executivo mal assessorado ou seria ele um idiota por completo!! Onde esta o povo dessa cidade? Vendo novela? Vem p rua minha gente... vamos tirar esse mequetrefe, fanfarrão da Prefeitura, não é possível que ele nos represente!!

Anônimo disse...

Humildemente, discordo que quando o poder público concedente briga com a empresa concessionária de serviço público quem perde é o consumidor do serviço. Em Niterói foi criada uma CPI dos transportes que apurou uma gigantesca quantidade de irregularidades. Como lá é tudo "um caso de amor" (para bom entendedor meia palavra é o bastante), o relator da CPI sugeriu que o ISS cobrado das empresas de ônibus passasse da atual alíquota de 1% para 0,01% proporcionando uma redução na tarifa cobrada ao usuário de 2 centavos. Isso mesmo, dois míseros centavos em cada passagem de ônibus! E quanto às irregularidades apuradas? Bom isso eles vão deixar esquecer, afinal de contas "é tudo um caso de amor"!

Antonio Rabelo disse...

Venho acompanhando essa "estória" da empresa municipal de transporte desde o primeiro semestre, quando se noticiava no site da prefeitura que o início da operação seria em agosto, pelo visto "(a)gosto de Deus", como se diz, pois mais recentemente essa previsão passou a ser a primeira quinzena de dezembro e até agora nada. O projeto parece ser bom, mas a incompetência dos seus gestores o torna alvo de críticas e desconfianças, até mesmo pelo fato de que se tornará em mais um meio de empregar gente do bando que auxilia a atual administração do município. É lamentável que decisões de tão grande interesse para a população sejam tomadas ao arbítrio desta, objetivando única e exclusivamente o interesse próprio, pois bastou o surgimento das manifestações que o nosso alcaide divulgou a intenção de criar essa empresa.

Anônimo disse...

É um contrassenso.. tds as ruas do município tem calçamento, iluminação, tds as casas contam água em suas torneiras e possuem saneamento básico, as escolas de ensino fundamental tem boas instalações, suporte e professores a contento, há postos de atendimento medico nas comunidades e o hospital trata com dignidade e conforto mínimo seus pacientes? Caramba.. se tds isto existe (o básico do básico) podemos e devemos então, Sr. Prefeito, passar para a fase 2. Agora se os requisitos básicos (BÁSICO DO BÁSICO) anteriores sequer foram satisfeitos, não vejo o pq pensar "MAIS GRANDE". Faço o básico, para isto que foi eleito!

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.