Maricá: Petistas do "Bolsa Mumbuca" cadastram eleitores pobres de Itaipuaçu

A campanha eleitoral do PT no município de Maricá já começou. Assim como aconteceu ontem numa igreja evangélica em Inoã, hoje foi a vez da população carente de Itaipuaçu se inscrever no programa 'Bolsa Mumbuca'.

O evento aconteceu na manhã desta quarta-feira (29) no Terminal Rodoviário de Itaipuaçu, onde alguns representantes do governo municipal, entre os quais, secretários e subsecretários simularam uma pequena solenidade, tendo como protagonista o secretário municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Miguel Moraes, que,  em seu discurso, não poupou elogios ao prefeito Quaquá e à primeira dama, Rosângela Zeidan, pela criação do programa. "Esse era o sonho de Quaquá e Zeidan!", enfatizou. "Quaquá e Zeidan vão acabar com a pobreza em Maricá!", anunciou.

Ainda durante o seu discurso, Miguel mencionou que "o programa foi criado pelo prefeito Quaquá para combater a pobreza extrema na cidade e aquecer o comércio local". No entanto, por detrás dos panos, segundo comentários de moradores mais esclarecidos e bem informados, tudo isso não passa de mais um circo armado para captar votos de eleitores pobres da região para as próximas eleições. Exemplo claro dessa mesma estratégia o povo já viu em 2012, com os "netbooks", distribuídos pelo prefeito Quaquá meses antes das últimas eleições municipais e que até hoje, didaticamente, não serviram para nada, a não ser para, naquela ocasião, captar os votos dos pais dos alunos.

Após a rodada dos discursos, os petistas trataram de, rapidamente, improvisar um posto de cadastramento onde os 'interessados', sob a condição "sine qua non" de serem eleitores exclusivos do município, tiveram de preencher um formulário com seus dados pessoais, endereço de moradia, telefones de contato, e-mail, informações de renda mensal e da seção e zona eleitoral.

De acordo com declarações do prefeito Quaquá, em outras ocasiões, o 'Bolsa Mumbuca' vai gerar renda mínima para as famílias carentes, inicialmente com 70 mumbucas mensais, e também, segundo ele, alavancar o desenvolvimento da economia local. Ainda de acordo com o prefeito, o benefício mensal será aumentado gradativamente, para R$ 100 já durante o próximo ano, até alcançar R$ 300, em 2016, beneficiando 20 mil famílias. Todavia, apesar de já terem sido feitas centenas de inscrições, padarias e mercados locais ainda nem foram cadastrados no suposto programa.

Promessas e mais promessas...

Há cerca de três meses atrás, Quaquá, em declarações sobre a implantação de uma empresa municipal de transportes públicos, prometeu que seriam oferecidos à população, ônibus com passagens iniciais a R$ 2,00 e, com o passar do tempo, o valor dessa tarifa cairia, progressivamente, até a casa dos centavos.

Ao que parece essa promessa caiu no esquecimento de S. Excia, pois tal empresa ainda não foi implantada e os dez ônibus comprados com o dinheiro público enferrujam a cada dia, abandonados no aeroporto da cidade. 



Previous
Next Post »

7 comentários

Click here for comentários
Anderson
admin
29 de janeiro de 2014 19:31 ×

Sabe o que acho estranho... lembro-me que o lema do governo Lula era: não damos o peixe, ensinamos a pescar. De fato, é o oposto do que acontece. O governo deveria preocupar-se em dar instrução e trabalho a povo. Mas não, dá esmola, pão e circo.

Reply
avatar
Anônimo
admin
29 de janeiro de 2014 20:50 ×

Compra de votos. Fato!

Reply
avatar
Anônimo
admin
30 de janeiro de 2014 10:36 ×

Os ônibus serão utilizados para o transporte de eleitores no dia da eleição. É o curral eleitoral!

Reply
avatar
Anônimo
admin
30 de janeiro de 2014 14:17 ×

Visibilidade para o Miguel Morais, que é candidato a deputado Estadual, e como fica madame "Z"?

Reply
avatar
Anônimo
admin
31 de janeiro de 2014 11:55 ×

É ISSO AÍ, MINHA GENTE. ELES VÃO ONDE ESTÃO A POBREZA, OFERECER ESMOLAS EM TROCA DE VOTOS. E OS MORADORES CARENTES ACEITAM E A MAIORIA VOTA NELE. VAMOS TOMAR VERGONHA NA CARA E ACABAR COM TUDO ISSO. FORA QUAQUÁ E A QUADRILHA DO PT.

Reply
avatar
Anônimo
admin
1 de fevereiro de 2014 10:57 ×

O governo quer mesmo ver o povo sem instrução, pois assim é mas fácil de lidar com a cambada de gente ignorante .Pois o povo que estuda com certeza intende dos seus direitos e os IGNORANTES só querem esmolas e vantagens TRABALHO que é bom nada.Tenho pena dos filhos dessas pessoas que aceitam isso, pois já da para ver que não vai nunca para frente.
VAMOS TRABALHAR MEU POVO VAMOS GANHAR NOSSO DINHEIRO COM NOSSO SUOR E NÃO VIVER COM ESMOLAS DO GOVERNO.

Reply
avatar
4 de fevereiro de 2014 13:05 ×

E KD os ônibus públicos por falar nisso!

Reply
avatar

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião. ConversionConversion EmoticonEmoticon

Thanks for your comment