terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Bando que aterrorizava Niterói com fuzil de "paintball" é capturado pela polícia

Bando usava arma de 'Paitball' (Foto: Márcio Oliveira / Extra)
Reportagem | Augusto Aguiar - Policiais civis da 81ª DP (Itaipu) e 79ª DP (Jurujuba), além de militares do 12º Batalhão, somaram forças e desarticularam, na manhã de ontem, uma quadrilha que há vários dias desafiava as autoridades praticando assaltos na zona Sul e Região Oceânica de Niterói. Durante os ataques, vários postos de combustíveis foram roubados, além de veículos, motocicleta e até mesmo uma residência teria sido invadida pelo bando.

Parte dos criminosos é formada por menores, e o que parecia ser um “fuzil” usado pelos bandidos para aterrorizar as vítimas, na verdade segundo a polícia seria uma arma de “paintball”, usada em competições radicais e dispara bolas de tinta. A tal “arma” não foi encontrada. Dois maiores foram presos e dois menores apreendidos. Um dos acusados revelou aos agentes que a arma de paintball teria sido emprestada para outro grupo infrator. A adolescente apontada como líder da quadrilha ainda está sendo procurada, assim como um rapaz de 18 anos, o motorista do bando, que também está foragido. Ele é conhecido como Batoré.

Nas primeiras horas da manhã de ontem, policiais civis e militares partiram para a comunidade do Atalaia, no Complexo da Ititioca, onde de acordo com as investigações a quadrilha seria proveniente. Dois maiores, Reinaldo dos Santos Poluceno e Jonathan Ribeiro Rodrigues, o JR, ambos com 18 anos, foram presos e um menor de 16 anos, apreendido. Também na região, os policiais procuraram uma jovem apontada como líder do bando, mas na casa de familiares ela não foi encontrada. Depois do Complexo da Ititioca, policiais civis e militares, sempre no rastro da quadrilha, seguiram para São Gonçalo onde residiriam parentes de outros integrantes. Na ação, várias casas foram vasculhadas em Marambaia e no Pacheco, onde foi apreendido outro menor de 16 anos.

“Essa jovem (mulher que chefiaria o bando) já teria sido autuada em 2012 como menor infratora, pela prática de roubo, junto com um dos adolescentes apreendidos hoje (ontem). Eles roubaram dois postos de combustíveis na área da 81ª DP (um no Cafubá e outro no Trevo de Piratininga). Também atacaram na área da 79ª DP e roubaram mais um posto no Cantagalo, e um motociclista, sem falar de um outro posto de combustíveis em Rio do Ouro”, explicou o titular da DP de Itaipu, Lauro Rangel.

Veículo do bando teria sido incendiado no último sábado

Na manhã de ontem agentes da 81ª DP revelaram que na tarde do último sábado teria ocorrido um roubo a residência em Itaipu (nas proximidades do Condomínio Ubá 2) e , onde os criminosos seriam, segundo as vítimas, os mesmos que estavam sendo procurados pela polícia até a manhã de ontem. Na mesma ação, os bandidos incendiaram o carro que foi usado para praticar uma série de roubos nos últimos dias.

Uma das vítimas, que preferiu não se identificar, explicou que pelo menos seis criminosos renderam seus familiares e invadiram a residência, roubando vários pertences por volta das 14 horas, ou seja, em plena luz do dia. Os bandidos, que haviam chegado no local num veículo modelo Fox, fugiram em outro carro, pertencente a uma das vítimas, um Celta. Antes de fugirem, porém, incendiaram diante da residência o primeiro veículo.

Segundo o titular da DP de Itaipu, delegado Lauro Rangel, o carro incendiado seria (provavelmente) o mesmo roubado na área de Rio do Ouro, e que era usado durante os ataques dos criminosos. Também na delegacia compareceu uma jovem que trabalha como atendente num dos postos de combustíveis atacados pela quadrilha, na Região Oceânica. De acordo com ela, durante o roubo ela não sofreu qualquer tipo de agressão. “Tenho duas filhas pra criar e eles não me agrediram. Foi tudo muito rápido e eles saíram depressa. Uma garota (que pode ser a líder do bando) se aproximou e falou que queria comprar um maço de cigarros. Ela inicialmente me pagou com uma nota de R$ 50. Quando fui pegar o troco, acabei sendo rendida com uma arma”, explicou a vítima, que não se identificou.





2 comentários:

Anônimo disse...

Mais um monte lixo que tem que ir para a vala

Anônimo disse...

Seria este o mesmo bando que cometeu os assaltos em Itaipuaçu?

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.