quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Fogão vence San Lorenzo no Maracanã: 2 a 0

Por William Amaral

Adriano no Furacão e novo reforço do Vasco

Largou na frente. Pela primeira partida do Grupo 2 da Libertadores, o Botafogo recebeu o San Lorenzo-ARG no Maracanã e fez a festa dos pouco mais de 28 mil pagantes.

Em um início de jogo tenso e truncado, as oportunidades de gol demoraram a aparecer em ambos os lados. A partir dos 15, o Botafogo começou a mostrar o que queria, mas esbarrava em uma até então má atuação de Ferreyra. Aos 29, o time argentino deu bobeira e Jorge Wagner recebeu livre pelo meio, avançou e bateu rasteiro de fora da área. O goleiro deu rebote e a bola sobrou para El Tanque marcar seu primeiro gol com a gloriosa camisa alvinegra. Após o gol, o Fogão deu espaços e quase sofreu o empate aos 42. Na volta do intervalo, o San Lorenzo avançou suas linhas, mas sofreu com a boa fase de Wallyson. Aos 7, o atacante recebeu na esquerda, cortou para o meio e acertou um belo chute no canto esquerdo do goleiro Torrico. Pobre do arqueiro que nada pôde fazer a não ser assistir à festa da massa botafoguense. A partir daí, o time da casa passou a controlar a partida com tranqüilidade, sofrendo uma pequena pressão a partir dos 40 minutos e ainda perdendo uma grande chance com Henrique. Três pontos importantíssimos para o Fogão na luta pela classificação e a mostra de que o time tem bastante força jogando diante de sua torcida.

Gol no fim. Outro time brasileiro a debutar na fase de grupos da Libertadores foi o atual campeão do torneio, Atlético-MG. Pelo Grupo 4, o Galo foi à Venezuela enfrentar o Zamora e voltou com três pontos, tendo vencido o jogo por 1 a 0. O gol foi marcado por Jô, após escanteio cobrado por Ronaldinho, e saiu no fim do segundo tempo.

É pra valer? Mais uma vez, ele voltou. Até quando não se sabe, mas o fato é que o eterno Imperador, Adriano, assinou contrato com o Atlético Paranaense e vai defender o Furacão em 2014. Com um salário baixo para um jogador com seu nome (R$ 100 mil), o ex-atacante da Seleção Brasileira tentará se recuperar novamente e voltar a jogar futebol profissionalmente. Resta saber se o “projeto Imperador”, como é tratado o caso em Curitiba, terá sucesso ou fracassará como aconteceu em outros clubes como Roma-ITA, Corinthians e Flamengo.

Novo camisa 10? O meia Douglas foi apresentado no Vasco e chega com pompa de craque à São Januário. Famoso por estar sempre acima do peso, o jogador amargava a reserva do Corinthians e tem como principais características, bom passe e chute. Aos 31 anos, o atleta pode e deve ser importante na volta do Vasco à Série A.





0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.