sexta-feira, 7 de março de 2014

Sábado, a Grande Rio volta à Sapucaí com Quaquá e Cia

O prefeito de Maricá, Washington Quaquá, do PT, e sua trupe não tiveram uma tarde muito feliz na quarta-feira de cinzas. Mas, como um bom fanfarrão que tem demonstrado ser ao longo de toda a sua trajetória à frente do Executivo, declarou a um de seus veículos de comunicação local: "Definitivamente botamos Maricá no mundo!".

Quaquá, Zeidan e Lurian (filha do Lula)
(foto: Romário Barros)
Com essas palavras, Quaquá, que também é o atual presidente regional do PT, definiu o sofrível resultado do desfile da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio na Marquês de Sapucaí, que supostamente obteve um patrocínio milionário da prefeitura.

Segundo Quaquá, em várias declarações, como justificativa ao que ele e os 'seus vereadores' chamaram de "subvenção", a verba destinada à Grande Rio foi uma forma mais eficaz de publicidade para divulgar a cidade mundo afora e assim captar novos recursos e investidores. No entanto, segundo dados estatísticos, a prefeitura já teria dinheiro suficiente para, ela própria, aplicar no município, principalmente na área da saúde e em obras de infra-estrutura.

Fiasco

O samba-enredo da escola, conforme análise prévia do ITAIPUAÇU SITE, meses antes do carnaval, é, literalmente, muito fraco. Talvez por isso, a agremiação não recebera nenhuma nota 10 nesse quesito. Há quem afirme que a letra do samba foi mudada próximo à chegada da data do evento, pois os diretores da escola, segundo comentários, perceberam que a finalidade de Quaquá era somente a sua própria promoção pessoal. A princípio, o enredo seria escrito para falar da historia de Maricá; Maysa seria apenas uma personagem coadjuvante, bem como Darcy Ribeiro, Oscar Niemeyer e Charles Darwin.

Na opinião de alguns caxienses, a mudança de enredo prejudicou a escola. Há de se ressaltar, inclusive, que a Rede Globo, apesar de mencionar Maricá durante o desfile, não fez nenhuma reportagem sobre o município que tem sérios problemas, principalmente na área da saúde. Além disso, para decepção do prefeito e seu bando de seguidores, seu nome não apareceu uma vez sequer e nem tampouco quando filmaram a sua imagem junto a alguns de seus asseclas, na "telinha". Talvez, ali, naquele momento, sua intenção fosse impressionar os caciques do PT em Brasilia, promovendo, de tabela, a sua esposa que será candidata a deputada estadual nas próximas eleições. Como resultado, a Grande Rio ficou com um decepcionante 6º lugar e não agradou ao povo da Baixada Fluminense. Porém, agradou bastante a maioria dos maricaenses que viram o prefeito falastrão e sua turma saborearem mais esse fiasco após terem arrombado os cofres públicos da cidade e sabe-lá pra onde foi distribuído tanto dinheiro.

No sábado, a Grande Rio volta à avenida para fechar com chave de ouro a sua participação nesse que foi mais um vergonhoso capítulo da história de Maricá, cuja cidade completa 200 anos.





0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.