quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Da série "Reportagens mais lidas e comentadas do Itaipuaçu Site": Obras superfaturadas

Dados detectam superfaturamento escandaloso nas obras em Itaipuaçu


Reportagem publicada em 29/2/2012 - Mais um escândalo detectado pela imprensa oficial local de Maricá publicada em matéria exclusiva pelo Jornal Maricá em Foco, o qual seu idealizador e editor, Ricardo V. Ferreira, iniciou, no começo desta semana, a distribuição inédita de 50.000 exemplares por todo o município de Maricá.

Desde o início das obras de recapeamento do asfalto de Itaipuaçu, vários representantes da sociedade civil e da imprensa oficial local, inclusive o 'Itaipuaçu Site", vêm denunciando inúmeras regularidades em relação à péssima qualidade do serviço e do valor astronômico orçado em quase R$ 30 milhões. 

Finalmente, a prova dessas denúncias veio à tona através de dados técnicos divulgados pela EMOP - Empresas de Obras Públicas - com a constatação de que a obra, de 12,8 Km na estrada de Itaipuaçu e na Rua 1, foi superfaturada, acusando um desvio de mais de 20 milhões dos cofres públicos. Segundo esses dados, os cálculos orçamentários para as obras desse tipo são feitos através da cubagem por quilômetro, por cálculo simples, levando em conta uma largura de pista de 9m e espessura de recapeamento de 20 cm (espessura acima do que está nas tabelas da EMOP, que seria de 6 cm). Desta forma, 1000m x 9m x 0,20m = 1.800m3 de obra por quilômetro. Entretanto para obras de recapeamento o cálculo também pode ser feito por Km² ou por metro. Todavia, a Prefeitura de Maricá não divulga quais os tipos de serviços contratados dificultando, à ciência da população, o seu exato enquadramento nas tabelas da EMOP.

Mesmo assim, através dos dados técnicos encontrados nas Tabelas, onde se apresentam os valores dos fatores multiplicadores para cálculos dos custos da metragem de uma obra pública, multiplicando a metragem cúbica pelos valores dos custos da metragem de cada tabela encontramos o valor de R$ 763,02 como sendo o valor do metro de rua. Assim sendo, multiplicando esse valor pelos 12,8 km de obra encontramos o valor global de R$ 9.766.656,00.

Em 24 de julho de 2011, a Prefeitura contratou a EQUIPAV por R$ 23,6 milhões para recapear 10,3 quilômetros da Estrada de Itaipuaçu e cerca de 2,5 quilômetros da Rua 1, onde está o novo terminal rodoviário. São R$ 30,8 milhões para um total de 12,8 quilômetros de recapeamento ao custo absurdo de R$ 2.4 milhões por quilômetro. A instalação de meio-fio e caixas de captação de águas pluviais na Rua 1 e na estrada de Itaipuaçu não passam de farsa. Confira os cálculos e as tabelas da EMOP extraídas do Jornal Maricá em Foco, abaixo:









13 comentários:

Anônimo disse...
É INACREDITÁVEL, MAS É A PURA VERDADE. PESQUISA DA ONG "TRANSPARÊNCIA BRASIL" REVELA QUE AS PREFEITURAS DÃO UM SINAL DE QUE ESTÁ HAVENDO ROUBALHEIRA QUANDO OS SERVIÇOS MAIS BÁSICOS COMEÇAM A FALTAR. O HOSPITAL, POR EXEMPLO.E TAMBÉM AS OBRAS DE INFRA-ESTRUTURA, COMO O ASFALTAMENTO. A PMM DÁ SINAIS POR TODOS OS LADOS DE QUE O ERÁRIO ESTÁ SE EVADINDO PARRA O BOLSO DE ALGUÉM...
Anônimo disse...
Gastando pouco ou muito, os moradores nunca veríam a cor do dinheiro mesmo. Ao menos deu uma boa melhorada nos acessos, coisas que nenhum outro tinha feito. Com roubo ou não, é melhor uma que rouba mais fez algo. Eu vou voltar no Quaquá pois outro não vai dar continuidade ao trabalho, eu acho. Lembro ainda que o esgoto é muito mais importante que água tratada.
Anônimo disse...
Mostra a cara seu anônimo, como pode alguém vir defender o Quaquá depois de tanta falta de atitude ao longo de seu primeiro desgoverno e depois de tantos meses de roubos e falta de vergonha. Faça-me o favor alienado. Tome pé das verdades e depois venha falar pois o que você está defendendo é absurdo, bem como, se está defendendo deve ser porque você deve integrar a classe dos que estão levando "bola" deste desgoverno que Maricá vai fazer tudo para exterminar.
Anônimo disse...
O anônimo que está defendendo "quem rouba mais faz "" é ladrão também, e possivelmente trabalha para o "Ladrão Prefeito". Felizmente a grande maioria do Povo Maricaense não é formada de Ladrões de várias espécies como Vereadores, Secretários, Aspones chefiados por notórios Mensaleiros criminosos, que hoje insfestam a administração Municipal. Mas o Povo dará a resposta nas Eleições.E aí os ladrões terão que prestar contas, e a prisão será o destino deles !!
Anônimo disse...
Não é trocar apenas , e sim colocar outro e acompanhar, se não corresponder não podemos esperar o tempo para retirar, saindo já...
Antonio Priester disse...
Vem cá, quem é que patrocina esse Jornal do Ricardo Vieira?
Jornal esse que no início do governo do seu Quaquá era totalmente governista, e cumpria o papel que hoje é feito pelo Outras Palavras, puxar o saco do governo.

Da mesma maneira que tenho duvidas quanto ao financiamento do Jornal governista, me questiono também quem é que mantém a edição e impressão de um Jornal que tem 50 tiragens, sem NENHUM tipo de publicidade.

Quanto as denúncias, mais uma vez se mostram extremamentte gravíssimas. Mas depois de um contrato de 10 milhões com a Equipav pra equipamentos de internet, eu não duvido de mais nada.
Luiz Carlos disse...
O que está faltando para que esse prefeito seja afastado do cargo, só o que se vê na mídia são notícias de falcatruas em licitações obras e outros fontes de maracutaias, a população local não quer nem ver a cara desse tal de Quaquá. Já está mais do que na hora de dár um basta.
Anônimo disse...
Os 32,6 milhões que a Equipav está levando de Maricá poderiam asfaltar muitas e muitas ruas por todo o município. Não é tudo o que a população necessita, mas seria um belo começo. Pena que a democracia brasileira não permita aos eleitores destituir os governantes por meio do voto antes do fim do seu mandato. São 4 anos para roubar os cofres públicos impunimente. Como dizem lá em Niterói: "avante Maricaçalo".
Anônimo disse...
olha a entrevista do prefeito apos o carnaval:http://www.leisecamarica.com.br/2012/02/entrevista-com-o-prefeito-washington.html.
Veja a marra dele ao falar da exoneração do secretario wagner... e mais: "qual é o segredo de tostines???"rsrs um prefeito que tira estas frases ridiculas, é só pra rir mesmo.. ou chorar.
Anônimo disse...
Detalhe: Segundo o próprio JOM, a Equipav levou apenas 10 milhões. Então aonde foram parar os outros 20???
Anônimo disse...
Derlei disse...
o pior e q em breve vamos estar na mesma situação de a dois meses atraz...desviando de antigos/novos buracos, considerando a "boa qualidade" do asfalto do nosso querido prefeito...
Anônimo disse...
Quem ta comendo quem ????
Anônimo disse...
Quem está comendo quem eu não sei,eu quero saber se vão mesmo começar o asfalto da 35 ou 36 seja lá qual for,pois está cada vez pior chegar em casa por causa dos buracos enormes que tem pelas ruas.





0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.