sábado, 31 de janeiro de 2015

Maricá pode perder 80% de "royalties" e naufragar cartão mumbuca

Texto de Pery Salgado - Com o anúncio feito esta semana pela presidente da Petrobras, Graça Foster, de que irá reduzir os investimentos da empresa, Maricá será um dos municípios mais afetados com o corte de produção.

Além de todos os problemas que o PT produziu na Petrobrás, o preço do petróleo despencou no mercado internacional e não há tendência de alta nos próximos 6 meses, pois os Emirados Árabes e os Estados Unidos jogaram o preço do barril para o ralo. Em outubro do ano passado o barril custava US$ 100 dólares e agora está na faixa dos US$ 45. Acontece que para a Petrobrás retirar petróleo de águas profundas o custo já é bem maior que nos poços rasos dos existentes nos Estados Unidos e Emirados e aumenta substancialmente se for retirado do pré-sal. O custo de produção do barril no pré-sal fica na faixa de US$ 47 dólares, ou seja, hoje é mais negócio deixar esse petróleo guardado (numa espécie de poupança), do que pagar caro para vende-lo com prejuízo. E não tendo produção, não tem pagamento de royalties. Hoje, 80% do que Maricá recebe de royalties vem da produção do pré-sal e o restante da proximidade com poços de águas profundas fora do pré-sal.

Cartão Mumbuca pode naufragar
Com isso, a arrecadação de royalties pode voltar a níveis do último ano do governo de Ricardo Queiroz, o que irá LITERALMENTE QUEBRAR AS FINANÇAS DA PREFEITURA DE MARICÁ que irá demitir centenas e até mesmo acabar com o CARTÃO MUMBUCA, já que o prefeito afirmou que este está sendo pago com dinheiro dos royalties (o que é proibido por lei federal votada em 2014, que destina esses recursos para saúde e educação).

Barão de Inohan





5 comentários:

Anônimo disse...

O Quaquá perde politicamente e nós moradores de Itaipuaçu vamos continuar na lama e no buraco. Não há nada para comemorar. Se o PT perder as eleições para o PMDB em 2016, voltaremos ao Ricardo Queiroz que nada realizou em Itaipuaçu. Se está ruim, vai ficar pior.

Anônimo disse...

Belo texto.não ao assistencialismo " voto de cabresto " esse cidadão quer seguir o mesmo caminho do Lula com o bolsa miséria. Se o boi soubesse a forca que ele t jamais se deixaria dominar. 2018 temos oportunidade de mostar a força da oposição. Espero que a mesma se organize.

Anônimo disse...

Se o pagamento desta bolsa miséria é proibido com este dinheiro então porque até hoje está sendo pago, não existe ninguém para denunciar? Quanto aos desempregados serão somente aqueles do cabide de empregos !!!!!!

Marcos Vinicius disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

denunciar a quem ? a presidenta! ela é a primeira a usar o bolsa família como voto

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.