quinta-feira, 18 de junho de 2015

Prefeito de Maricá mentiu para eleitores e enganou moradores

De acordo com arquivos do ITAIPUAÇU SITE, há cerca de 1 ano atrás, precisamente no dia 23 de maio, o prefeito de Maricá e atual presidente do PT-RJ, Washington Quaquá, reuniu-se com um grupo de moradores e eleitores na quadra do Colégio Integradas, em Itaipuaçu, e fez um discurso com muitas promessas. 

Durante sua palestra, Quaquá garantiu pavimentar e urbanizar todas as ruas do Barroco (Costa Verde). Além dessas ruas, ele também prometeu asfaltar a estrada de Itaocaia, a rua 34 (Jardim Atlântico), a orla da praia (Avenida Beira-Mar), as ruas de São Bento da Lagoa, a Avenida das Esmeraldas na Morada das Águias e as ruas do bairro Recanto 3. Segundo ele, cerca de 40 km de ruas seriam asfaltadas e as obras começariam em aproximadamente 15 dias.

Ainda de acordo com seu discurso, além das citadas obras de pavimentação, ele se comprometeu em construir seis novas escolas e 40 pistas de skate (em todo o município). "Tudo ficará pronto antes de outubro (2014)", garantiu.

No entanto, até hoje nada foi feito, a não ser um pequeno trecho de asfalto na Estrada de Itaocaia, realizado no início deste ano. Ou seja, Quaquá mentiu e enganou os moradores de Itaipuaçu na intenção de angariar votos para a sua mulher, Rosângela Zeidan, que naquele momento era pré-candidata a deputada estadual.

Confira a seguir o vídeo relacionado a esta reportagem:



Fique por dentro de outras notícias de Itaipuaçu e de Maricá no Facebook:

Acesse também, com mais rapidez, o Itaipuaçu Site no seu smartphone (baixe aqui o app gratuitamente)






9 comentários:

Anônimo disse...

Eu falei em materia anterior, meu marido foi demitido de itaocaia e a obra vai parar agora, so um pequeno pedaço de asfalto, estou passando necessidade em casa, e ainda por cima o seu cabo eleitoral Sr. Adelmo que usa o supermecado para ajudar o prefeito mentiroso, um grande churrasco foi feito a um mes, no dia seguinte a obra começou a parar e demitir gente, pura mentira para enganar o povo e o pior é que ano que vem ele retoma tudo na eleição e o povo burro esquece, obrigado por voces existirem.

Edna Costa disse...

Os que "acreditaram" tinham motivos PESSOAIS para isso... É assim que eles se elegem, reelegem e elegem os verdadeiros desconhecidos para continuarem a SAGA da roubalheira, contam com a omissão e cumplicade de gentalha que está sempre à leilão!

Anônimo disse...

Esqueceram da Av. 2? Ele pegou 20 milhões da Petrobrás para urbanizar, fez a galeria pela metade e parou a obra na 66.

Anônimo disse...

Fez a galeria pela metade? Que isso, amigo anônimo! Vá lá e dê uma olhada. Ele só fez duas ou três quadras...não chega a 1/4 da obra!

Anônimo disse...

Esse prefeito tem uma cara de ladrão..não sinto confiança nele..nunca votaria nele.

Anônimo disse...

Sou um crítico da atual administração (PT) como sou da anterior (PMDB). Serei também da próxima se ela se revelar do mesmo naipe dessas duas. O que eu não sou é mentiroso. A galeria da Av 2 começou na 86 e parou na 66. Quem não acredita que cave e comprove. Os fatos falam por si e não há necessidade de falácias para desqualificar esses governantes que aqui estão. Anônimo de 18/06/2015 19:50.

Anônimo disse...

Eu só faço uma pergunta, quem é culpado disso tudo?

Resposta: Obviamente o POVO.

Anônimo disse...

A democracia brasileira é uma farsa .É o partido político que decide quem é eleito e decide também que ele deve se afastar para dar lugar a um suplente. O eleitor não vota (o voto é obrigatório) e é multado em menos de R$10,00, então ele não vota, mas o que recebe bolsa família e cartão mumbuca ou outro suborno qualquer ( latinha de cerveja em comício, gorgetas) aparece para votar. O resultado é que o pior dos indivíduos é eleito. O jeito é colocar a multa em R$1.000,00 para ver a cara da classe média na boca da urna.

Anônimo disse...

A classe média já perdeu o poder de voto há muito tempo, principalmente no Rio de Janeiro, hoje seu voto não decide mais nada, mesmo que compareça em massa as urnas. O amigo deveria questionar a lisura das urnas eletrônicas que já foram condenadas nos EUA e em vários países. Talvez se o voto fosse no papel com a contagem voto a voto e com fiscais dos partidos conferindo, o resultado poderia ser outro, e a classe média poderia voltar a votar. Do jeito que as coisas estão é eleição com cartas marcadas. Agora, colocar a culpa na classe média por todas as mazelas do país não posso concordar com o amigo, é apenas repetir o que petralhas veem falando há muito tempo, e o amigo há de convir que classe média em Maricá é minoria. Saudações de um Maricaense desiludido!

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.