sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Prefeitura de Maricá está mentindo, segundo os beneficiários do "Minha Casa, Minha Vida"

Os beneficiários do " Minha Casa, Minha Vida" de Maricá, em especial os moradores do condomínio Residencial Carlos Alberto Soares de Freitas, localizado no bairro de Inoã, estão muito revoltados com a coordenadora do programa no município, Lene de Oliveira.

De acordo com as denúncias, a coordenadora está agindo com autoritarismo e arrogância contra os membros de um grupo fechado da rede social Facebook, denominado "Minha Casa, Minha Vida Maricá", criado por ela própria para, inicialmente, servir de canal de comunicação entre a prefeitura e os beneficiários.

Segundo informações, ela tem excluído e bloqueado os moradores do condomínio de Inoã que têm feito críticas e questionamentos sobre os motivos dos reagendamentos das mudanças.

De ante mão, Lene chegou a anunciar que iria desativar o grupo, mas acabou mudando de ideia e resolveu banir os revoltosos. O estopim estourou no início da semana quando um grupo de comissionados, a serviço da coordenadora, chamou a Polícia contra algumas beneficiárias que tentavam entrar no condomínio para vistoriar e limpar seus apartamentos.

De acordo com as últimas informações, na tarde desta quinta-feira (17), a coordenadora Lene emitiu uma nota no Facebook informando que a própria Caixa Econômica Federal solicitou à prefeitura o adiamento das mudanças. Mas, segundo os beneficiários internautas, é tudo mentira. Diversas pessoas pediram para que ela mostrasse na rede o tal suposto ofício da Caixa e até agora nada foi divulgado. Em vez disso, a todo instante, muitas pessoas estão sendo sumariamente banidas do grupo.

Na manhã desta sexta-feira (18), Lene de Oliveira concedeu uma entrevista à rádio Ultra FM de Maricá e deixou os beneficiários mais revoltados ainda. De acordo com um trecho da entrevista, ela faz um inusitado pedido aos senhorios dos beneficiários, para que os mesmos tenham mais um pouquinho de paciência com os seus inquilinos.

Muitos beneficiários agendados para a mudança a partir deste sábado já encerraram seus contratos e estão entregando os imóveis aos proprietários. No entanto, há cerca de uma semana a prefeitura alterou todas as datas para o mês que vem deixando todos em situação constrangedora.





0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.