quarta-feira, 16 de março de 2016

Itaipuaçu: pais de alunos denunciam falta de transporte escolar

REPORTAGEM :: MARCELO BESSA - Na manhã desta terça-feira (15), pais e alunos da Escola Municipal São Bento da Lagoa, situada no bairro Morada das Águias, se manifestaram contra a Prefeitura e a Secretaria de Educação na Praça do Barroco, em Itaipuaçu (Maricá - RJ).

Faixa instalada no Barroco pelos pais dos alunos
Segundo informações, os alunos que dependem do transporte escolar da prefeitura estão sem poder ir às aulas por causa do péssimo estado da principal via que dá acesso à escola.

De acordo com declaração da mãe de um dos alunos, o ônibus escolar não consegue chegar à escola, pois a principal rua de acesso, Avenida das Esmeraldas, está intransitável e se transformou em um grande atoleiro. Entretanto, as aulas acontecem normalmente.

Alunos fazem protesto no Barroco
"Ligo pra Secretaria de Educação e empurram o problema pra Secretaria de Obras. Peço o telefone de lá, mas ninguém atende. Peço informações à escola e a mesma me diz que ainda estão sem previsão de ônibus escolar. Pergunto como ficarão as faltas dos alunos que não estão indo pra escola e me dizem estão sendo computadas as faltas. Isso é um absurdo! Os alunos estão levando falta por não terem condições de chegar até a escola!", reclama a mãe.

Ainda de acordo com as reclamantes, a direção da escola alega que 50% dos alunos estão frequentando as aulas normalmente.

"Acho que esqueceram que tem mais 50% que não tem carro. Esqueceram também que pra essa escola não tem linha de ônibus circulando. Esqueceram que quem leva seus filhos andando, saindo do Barroco (último lugar onde passa alguma linha de ônibus, mais perto da escola), anda no mínimo 2,5 km. Esqueceram também, que muita gente não tem condições de pagar um transporte escolar para mandar seus filhos pra escola. Muitas dessas mães estão perdendo seus empregos, pois seus filhos pequenos estudam lá em tempo integral. Mas como elas não tem como levar seus filhos, perdem seus empregos. Nenhum patrão quer um funcionário faltoso, independente do motivo. A verdade, meus caros, é que estamos de mãos atadas. Dependendo de Secretarias que estão pouco se importando com problemas reais dos nossos alunos. Estão pouco se importando se meu filho, TDAH diagnosticado, que não pode ficar sem escola nem um dia, está ou não indo pra escola. Estão pouco se importando se aquela mãe, já perdeu vários empregos só nesse ano (porque o problema do ônibus vem de longas datas, vira e mexe não tem aula, por não ter ônibus). Estão pouco se importando com a realidade das famílias que precisam dos seus filhos dentro da escola. Estão pouco se importando com o direito das crianças e o dever de mantê-los na escola REGULAR!", desabafa a cantora Emira Ramos, uma das mães, e que é muito conhecida na região, em uma postagem na rede social Facebook.

"Os pais da Escola Municipal São Bento da Lagoa, estão articulando uma manifestação na Secretaria de Educação, pedindo o mínimo de atenção com nossas crianças. Espero, de coração, que isso se resolva. Que não tenhamos mais 15 dias de espera. Que a dignidade de cada um seja respeitada. Que essas faltas não sejam computadas por um erro que não é nosso! É o mínimo o que se espera", concluiu.

Descaso

De acordo com outras informações, a Secretaria de Educação informou que a mesma está empenhada em normalizar a situação do transporte mas justificou que, no momento, não dá para passar uma máquina (retroescavadeira) por causa do acúmulo de água no local e sugeriu que os próprios pais providenciem a colocação de materiais secos nos atoleiros para que o ônibus possa passar".

Últimas informações

Por volta das 10h da manhã desta quarta-feira, nossa redação recebeu informação de que um trator da prefeitura foi visto indo em direção ao local via lagoa, no Barroco. Porém, há reclamações de que o serviço está sendo feito "pela metade", pois, segundo os informantes, muitas crianças moram no Recanto e utilizam o caminho via Rua Capitão Melo (Recanto III) para chegar à Avenida das Esmeraldas, que dá acesso à escola. Nessa localidade, no momento, não há nenhum trator.

(Vídeo enviado via WhatsApp)






2 comentários:

Anônimo disse...

Quem disse que o PT valoriza a educação do povo?!

Anônimo disse...

Se estudarem e se educarem, ninguém vota no PT e vão ter que trabalhar. Se não estudarem, passam a receber bolsa família, bolsa mumbuca e etc. Vão andar de vermelhinho e se transformarão em petistas raivosos. Quem sabe um não se torne prefeito, vereador ou outra coisa qualquer. O Pato é manco, mas não é burro.

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.