Maricá: Distribuição de jornal vai parar na delegacia

Maricá: Distribuição de jornal vai parar na delegaciaMaricá - Durante a distribuição de um jornal impresso intitulado ‘O Poder é do Povo – Maricá’, de propriedade da empresa RG Propaganda e Publicidade, um homem abordou uma das entregadoras, identificada como Adriana Barcellos Elias, de 44 anos, e a apreendeu, sem nenhum motivo aparente. Segundo informações, o homem estava em carro particular e seria um policial à paisana.

O proprietário da empresa, Robson Giorno, que é pré-candidato a prefeito, informou que a ação pode ter sido uma espécie de retaliação de alguns políticos que tiveram seus nomes veiculados nas matérias do jornal, que começou a circular na cidade no início desta semana. O jornal, além de personagens famosos da política nacional, também cita políticos da cidade, entre os quais o Deputado Federal Licenciado Fabiano Horta, o presidente da Câmara de Vereadores, Chiquinho, o prefeito, Washington Quaquá, e o pré-candidato a prefeito, Marcelo Delaroli.

O suposto policial e a entregadora foram encaminhados à delegacia de Maricá (82 DP), que acabou não registrando o caso por entender que não houve nenhum crime.

Em nota, Marcelo Delaroli se pronunciou sobre a matéria:

Sou partidário da liberdade de expressão e de informação apesar de estar sendo vítima de matérias caluniosas e sem o mínimo indício de veracidade desde a última campanha em 2012. Lamento profundamente a confusão estabelecida com a distribuição de jornal tendencioso que foi objeto da matéria no Itaipuaçu Site e declaro que não determinei que alguém do meu grupo político tomasse medidas contra a distribuição do material. Determinei que sejam apuradas as circunstâncias que levaram aos fatos lamentáveis ocorridos ontem e que assuntos de tais naturezas devem ser resolvidos apenas na Justiça. Meus advogados estão encarregados do caso e brevemente a população de Maricá verá o restabelecimento da verdade. Qualquer outra nota que trate do caso e que digam ser minha ou do meu grupo político não deve ser considerada.

O prefeito Whashington Quaquá, o vereador Chiquinho e o deputado licenciado Fabiano Horta não foram localizados pela nossa reportagem.





Previous
Next Post »

2 comentários

Click here for comentários
Anônimo
admin
10 de abril de 2016 15:11 ×

Se tudo isso não foi uma tremenda armação para criar um fato e fazer propaganda política, os envolvidos que se sentirem prejudicados, devem entrar com ação na justiça, inclusive uma por abuso de autoridade.

Reply
avatar
Anônimo
admin
11 de abril de 2016 10:08 ×

ISSO É COISA DO PT(PERDA TOTAL). ELES ESTÃO DESESPERADOS. NÃO VAMOS DESISTIR. FORA PT, DILMA, LULA, QUAQUÁ, CADEIA NELES.

Reply
avatar

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião. ConversionConversion EmoticonEmoticon

Thanks for your comment