sexta-feira, 30 de junho de 2017

Maricá: Pessoas com deficiência terão área especial em shows

Representantes da Prefeitura e do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Comdef) se reuniram nesta quarta-feira (28/06), na Praça Orlando de Barros Pimentel (Centro), para definir um local reservado para deficientes físicos nos shows que serão apresentados durante o “Arraiá de Maricá” que começa neste final de semana.
A área conta com uma plataforma um pouco mais elevada, tem 40 metros quadrados, rampa de acesso, tapete vermelho, cadeiras e espaço para cadeiras de rodas – para que os sentados não atrapalhem os que estão atrás em pé. O espaço fica à frente do palco, numa distância aproximada de três metros. O acesso será independente, do lado direito do palco, pela Rua Álvares de Castro, que estará fechada para os carros, de forma que os deficientes não precisem passar pelo meio da multidão para acessar seus lugares.
Além disso na área próxima aos banheiros dos artistas e das equipes de produção haverá um banheiro químico tipo 2 (porta mais larga com rampa e aparadores para os braços) de uso exclusivo dos deficientes e de seus acompanhantes. Ambos os espaços terão um segurança da Prefeitura orientado por um integrante do conselho para o controle da entrada ao espaço e ao banheiro.
Segundo o secretário de Turismo, Robson Dutra, o objetivo do governo, com essas medidas é permitir mobilidade, acessibilidade e inclusão. “O que nós estamos fazendo não é estipular onde vai ficar uma área vip. Estamos definindo um espaço onde as pessoas que não podem se autodefender possam assistir aos shows com segurança junto do povo”, declarou.
Acompanhado do conselheiro da sociedade civil, Ayrton Becalle, o presidente da Comdef, Thiago Reis, completou: “Queremos garantir que as pessoas com deficiência tenham acesso à cultura e ao lazer, assim como as demais pessoas que moram ou frequentam a cidade, porque os ídolos são os mesmos. Então, é importante essa ação do governo para não limitar o acesso das pessoas a determinados acontecimentos e lugares”, ponderou.
Becalle ressaltou que esta é uma iniciativa inédita no estado, porque apesar de ser lei oferecer um espaço reservado para pessoas com deficiência, as cidades acabam não cumprindo a determinação. “Fomos prontamente atendidos. Aliás, tanto o prefeito quanto seus secretários têm se mostrado solícitos em estabelecer um padrão para todos os eventos que forem realizados sob responsabilidade oficial da Prefeitura”, disse.
“É importante ressaltar que estamos apenas cumprindo o que tem que ser feito, olhando para as pessoas que tem dificuldade de assistir o show no meio do povo e precisam de uma área privilegiada por causa dessa falta de acesso. Tenho certeza que a maioria deles preferia estar no calor do povo, sentindo toda a emoção”, concluiu Robson Dutra.
Em comum acordo, ficou determinado que, caso haja disponibilidade de espaço, pessoas com mobilidade reduzida, como idosos e gestantes também poderão assistir aos shows da área determinada para deficientes.
Fonte: Prefeitura de Maricá (Secretaria de Turismo)

0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.