segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Maricá terá Centro de Zoonoses, segundo a secretária de Saúde

A Conferência Regional de Vigilância em Saúde – Metropolitana II, que aconteceu neste final de semana (26/08 e 27/08), foi um marco na história da saúde maricaense e uma vitória para toda a região.
O evento reuniu usuários do Sistema Único de Saúde, profissionais, gestores e representantes da sociedade civil dos municípios de Maricá, São Gonçalo, Itaboraí, Niterói, Rio Bonito, Silva Jardim e Tanguá.
Com toda a hegemonia da rede de saúde da região se encontrando em Niterói, Maricá, em vista do estado precário em relação a saúde que se encontrava,está mudando esse paradigma no Governo Fabiano Horta.
Além de ser colocado em pauta a construção do novo hospital, que será referencia na região com uma infraestrutura de grande magnitude, a Dra. Simone Costa, secretária de saúde, levou no domingo, na plenária de votação das propostas que serão encaminhadas para a Conferência Estadual do Rio de Janeiro, em outubro, a questão do ”Centro de Zoonoses”.
O centro de zoonoses em Maricá, agilizará nos resultados de casos de suspeitas de dengue, zika e outras arboviroses, sendo um laboratório de saúde pública Regional, levará a população informações necessárias e mais rápidas sobre algumas doenças e riscos.
A ideia surgiu devido a grande demanda de casos de zoonoses em Maricá, e pela preocupação do Prefeito Fabiano Horta e da secretária de Saúde, Dra. Simone Costa, com possíveis epidemias.
”Trazendo a conferência para a cidade, tivemos a chance de levar problemas da saúde da região para o Estado, sobre tudo o centro de zoonoses que seria essencial em Maricá.” afirmou a secretária de saúde, Dra. Simone Costa.

0 comentários:

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.