Invasão de terrenos gera preocupação nos vereadores


Na sessão virtual da Câmara realizada na manhã desta segunda-feira, os vereadores debateram os crescentes casos de invasão de terrenos e imóveis da cidade, principalmente na região do quarto distrito de Maricá (Itaipuaçu). O presidente da casa, Aldair de Linda (foto), informou que há um grupo de pessoas invadindo imóveis e vendendo por valores irrisórios sem autorização dos proprietários.

“Existe uma quadrilha atuando em nossa cidade e invadindo terrenos e áreas em nosso município. Vou mandar um convite ao secretário de Segurança Julio Veras, ao delegado Mulatinho e ao comandante da 6º Cia para debatermos isso em uma reunião. Tem vindo gente de todo lugar para Maricá e estão invadindo”, disse o presidente da Câmara, Aldair de Linda.

O vereador André Casquinha também comentou o caso. “Temos que ter uma discussão sobre isso e levar isso a sério”. 

Na próxima quinta-feira, em Itaipuaçu, será realizada a reunião para discutir o tema. O encontro contará com a presença de autoridades da segurança pública.

Resumão

Dia Internacional da Mulher – Os vereadores parabenizaram as mulheres pelo Dia Internacional da Mulher comemorado nesta segunda-feira (8) e sugeriram políticas públicas inclusivas para o gênero na área da saúde, emprego, segurança e educação.

Falta de água – O vereador Danilo Santos falou sobre a falta de água na região central do município. Ele informou que solicitou informações a Cedae. “Eles alegaram que são problemas da natureza. É um caos a falta de água em nossa cidade. O Poder Público tem que conversar com a Cedae sobre esse problema”.

Vermelhinhos e vans - Dentro dos próximos dias deverá chegar um documento à Câmara para que seja concedido um benefício aos moradores da cidade para que estes possam utilizar as vans que trafegam pelo município. O objetivo é não desfavorecer os trabalhadores de transporte alternativo como vans após a implantação dos coletivos gratuitos (Vermelhinhos). A informação foi dada pelo presidente da Câmara, Aldair de Linda. “Já está chegando a esta Casa uma medida dando R$ 180 para cada maricaense usar as vans e cerca de R$ 210 para quem for estudante. Cada cidadão terá um cartão para utilizar esse transporte”.

Comentários