Itaipuaçu: Prefeitura destrói ponte antiga e refaz acesso à Morada das Águias

Depois de muitas reclamações de moradores e vários acidentes, inclusive com algumas mortes, finalmente a Prefeitura de Maricá (RJ) tomou providências e substituiu a perigosa ponte de madeira que dava acesso ao bairro Morada das Águias, em Itaipuaçu, podre e caindo aos pedaços, por um acesso em aterro, manilhado.

A obra foi iniciada na última terça-feira (13) por volta das 9h, quando uma equipe da secretaria de Obras chegou ao local e, com a ajuda de uma retroescavadeira, destruiu a ponte sobre o canal. Depois de uma rápida operação de limpeza, na qual foram retirados os restos das madeiras, troncos e detritos do riacho, foram assentadas 10 manilhas de 1000 em duas colunas, posteriormente cobertas com aterro. Por causa da falta de iluminação no local, os trabalhos tiveram de ser interrompidos ao cair da tarde, faltando apenas nivelar a pista.

No início da tarde desta quarta-feira, os operários voltaram ao local e, com auxílio da retroescavadeira, forraram e nivelaram a superfície da nova ponte com cascalhos de brita e pó de pedra, dando assim conclusão ao serviço. Confira as fotos, a seguir:

A ponte de madeira antes de ser destruída


















Fotos: Marcelo Bessa / Itaipuaçu Site)

A história da ponte

De acordo com dados históricos, tudo começou na época do governo do prefeito Édio Muniz, no ano de 1984. Por um suposto erro de projeto, a empresa loteadora não abriu acesso ao novo loteamento, deixando os novos proprietários literalmente ilhados, tendo que dar uma enorme volta para conseguirem chegar até as suas casas.

Prof. Valter
Um dos moradores, até hoje muito respeitado na localidade, conhecido como Professor Valter (Valter Souza), músico e maestro, procurou o então prefeito e solicitou ajuda para a construção de uma pequena ponte. Édio Muniz, que admirava o maestro, adorava música e queria apoiar projetos culturais na cidade, atendeu-o prontamente em seu gabinete, comprometendo-se em contribuir com a mão de obra, alegando que a prefeitura estava sem dinheiro. Na ocasião, propôs ao maestro que, ele e demais moradores, fundassem uma associação com o objetivo de angariar fundos para a compra dos materiais. Apesar de todas as dificuldades, na época, com poucos moradores e muitos 'veranistas', o maestro seguiu o conselho do então prefeito e fundou a "ANCOMAR", uma associação composta por moradores dos bairros Morada das Águias, Costa Verde e Rincão Mimoso.

Após minuciosa pesquisa e estudo, Valter vislumbrou a possibilidade de um caminho de acesso ao bairro, porém, uma área particular teria que ser desapropriada pela prefeitura. Antevendo mais essa dificuldade, antecipou-se e, com recursos próprios e de alguns associados, comprou a tal propriedade e construiu a ponte que durou até o dia 13 de maio de 2014.

Confira também:

Associação de moradores faz abaixo-assinado para melhorias no bairro Morada das Águias


Fique por dentro de outras notícias de Itaipuaçu e de Maricá no Facebook:


Acesse também, com mais rapidez, o Itaipuaçu Site no seu smartphone (baixe aqui o app gratuitamente




Previous
Next Post »

10 comentários

Click here for comentários

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião. ConversionConversion EmoticonEmoticon

Thanks for your comment