sexta-feira, 27 de março de 2015

Quaquá desafia a justiça e diz que não fecha EPT

PERY SALGADO - Após publicação em primeira mão do Barão de Inohan na quarta feira 25 de março (http://www.obarao.blogspot.com.br/2015/03/vermelhinhos-podem-parar-de-funcionar.html), e replicado em todos os veículos de mídia sérios de Maricá, diversas pessoas se pronunciaram contra a paralisação dos vermelhinhos, mas a maioria apoia a ação, pois sabem que outras demandas prioritárias existem no nosso município, como nosso novo hospital.

Mais uma vez deixando claro que NINGUÉM É CONTRA A PASSAGEM GRATUÍTA, o Barão de Inohan volta a esclarecer (o que já fez em diversas matérias nas versões on line e impressa) que hoje, a EPT (muito interessante esse nome) com 12 veículos (um está destruído desde o dia 01 de março) e com custos mensais de aproximadamente R$ 1,2 milhão transporta, segundo informações da própria empresa, cerca de 200 mil pessoas por mês. Sem ferir a constituição municipal nos artigos 273 em diante e a lei de concessão de 2005 em vigor até 2020 (com prorrogação de mais 15 anos), a prefeitura poderia SUBSIDIAR as empresas concedidas (Viação Costa Leste e Nossa Senhora do Amparo) dando gratuidade em TODAS AS LINHAS MUNICIPAIS atendendo a toda municipalidade com 65 ônibus (25 da Costa Leste e 40 da Amparo - que fazem linhas municipais) e a um custo proporcionalmente muito menor do que hoje é processado.

Após a veiculação de nossa matéria e a veiculação em outras mídias locais, o prefeito de Maricá - Washington Siqueira se pronunciou em rede social afirmando que precisaria do povo para essa mobilização e que até deixaria seu cargo de prefeito mas que a empresa não seria fechada.



Também em redes sociais, o jornalista Ricardo Vieira se pronunciou:

"As questōes sobre superfaturamento e outras serão investigadas. O autor da ação pediu a inversão do ônus da prova, o que significa que a prefeitura deverá apresentar os documentos necessários para provar o que foi alegado pelo autor. É preciso aguardar, pois o que foi noticiado está baseado numa promoção (parecer) do Ministério Público e depende de ser acatada pelo Juiz. Há meses passados eu afirmei que S.Excia. Quaquá sabia que seria processado tal a quantidade de atos ilegais que cercam a montagem da EPT. Disse ainda que era o que ele queria, pois iria se fazer de vítima por defender o povo. Pura propaganda nos moldes do seu mestre Goebbels, nazista que ensinou ao mundo como enganar as massas. O que é indispensável é que nosso povo acorde e não caia em mais uma armadilha montada em cima de marketing em busca do prestígio perdido e mais votos nas eleiçōes de 2016.

Márcia Benevides deu seu relato em rede social: "Usei esse transporte algumas vezes: nas primeiras viagens, muito confortável devido ao ar condicionado e pareceu mais macio (a gente nem sentia quando freava), os motoristas dirigem bem e são atenciosos (os da Amparo, também). Nas últimas viagens já se nota o veículo detonado e o ar condicionado sem funcionar: parado ou com problemas, é uma pena. Mas, a gente sabe que há um custo para tudo. E, realmente , a notícia que o Ricardo Vieira Ferreira nos trás faz todo sentido. Claro que o procedimento da PMM é eleitoreiro e nada mais. A manutenção nem deve estar podendo ser feita".

Concluindo seus pensamentos, Ricardo Vieira esclareceu também em redes sociais:

"Busquei me informar e a base do Ministério Público é por contratar pessoal sem concurso público, ao alegar especial interesse. Diz o MP que as primeiras medidas para montar a empresa de transportes datam de 2013, tempo suficiente para providenciar o concurso. Assim o MP está cuidando da ilegalidade que é corriqueira quando se trata de pessoal. É mais uma manobra de propaganda de S.Excia, Quaquá para esconder seus atos".

Fonte: Barão de Inohan







6 comentários:

Anônimo disse...

Político, seja ele de partido que for, quando sai da cartilha do "bom político" acaba se dando mal. Continuasse ele com as obras superfaturadas, as contratações de serviços não realizados e todo o tipo de falcatrua que permeia a administração pública brasileira não estaria nessa confusão. Foi dar uma de político paternalista, com ônibus de graça (só para o usuário, o conjunto da população financia com os tributos municipais e royalties do petróleo) e comprar briga com os poderosos empresários de ônibus do nosso estado dá nisso. Arranjaram até um promotor ( não confundir com vendedor) para defender a extinção de uma empresa de ônibus que só beneficia o povo. Quaquá, vê se acorda, você tá no brasil, tem mais é que roubar e sacanear o povo, ou vai ser escorraçado do poder pelos poderosos.

Anônimo disse...

Caro colega anônimo aí de cima, vc acha que ele (o pato) não tá metendo a mão no nosso dinheiro? Fala sério, amigo! Uma empresa sem escritório, garagem, oficina, com cerca de 200 e poucos funcionários, gastando mais de 1 MI por mês DO NOSSO DINHEIRO...o pato agora só bebe uísque!

Anônimo disse...

Caro anônimo, o meu texto era para ser irônico! É culpa minha ser mal interpretado, é que sou mal escritor. Longe de mim defender político, são todos miseráveis canalhas!

Anônimo disse...

De graça só Escola e Hospital, e só. Quaquá é mestre em enganar as massas com seu assistencialismo barato. O Hospital quando precisei não tinha gaze, já tive informações de enfermeiros fazendo vaquinha para comprar para pessoas mais carentes, eu paguei do meu bolso. Bolsa isso, bolsa aquilo, ônibus de graça, e o Pato cada vez mais rico.

Anônimo disse...

Amigo lá de cima, é "Brasil", pois brasil só se for o país do PT. Falam mal da Viação Nossa Senhora do Amparo, mas ela emprega em sua maioria só pessoas que moram em Maricá, e ela recolhe muitos impostos aos cofres da Prefeitura e presta um bom serviço. Porque as placas dos ônibus da EPT são brancas? Esse Prefeito pato (que nunca vai chegar a marreco) e o primeiro a burlar todas as leis.
FORA PT, LEVA A DILMA COM VOCÊ.

Anônimo disse...

A Amparo é uma péssima empresa na opinião da maioria dos maricaenses e o brasil é com b minúsculo porque é uma piada. Agora, para quem enriquece explorando o povo, o brasil é com b maiúsculo, sem dúvida!

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.