segunda-feira, 27 de julho de 2015

Maricá: "Coronel Quaquá" descumpre ordem judicial e desafia Justiça

MARCELO BESSA :: ITAIPUAÇU SITE - O "super poderoso" prefeito de Maricá, Washington Quaquá, também presidente regional do PT, está descumprindo a decisão da Justiça que desde a semana passada determinou a paralisação de toda frota dos ônibus da EPT (Empresa Pública de Transportes). Em virtude dessa desobediência, a juíza da 1ª Vara Cível de Maricá, Luciana Estiges Toledo, fixou multa diária de R$ 20 mil pelo descumprimento da ordem judicial, sendo R$ 10 mil para a prefeitura e R$ 10 mil para a autarquia EPT e, caso a desobediência continue, os ônibus poderão ser apreendidos.

Em contrapartida, Quaquá, em discurso populista, desafiou a justiça dizendo que os "vermelhinhos" - como são conhecidos os ônibus da EPT na região - não vão parar, alegando que a paralisação dos mesmos traria sérios prejuízos à população.

Ainda munido de sua ira, Quaquá direcionou "seus canhões" contra as empresas privadas concessionárias - Nossa Senhora do Amparo e Costa Leste - que há anos prestam serviço de transporte público na região. Em ato público, na primeira hora da manhã desta segunda-feira (27), no terminal rodoviário da cidade, mandou lacrar e rebocar alguns ônibus das empresas que estavam estacionados. Declarou ainda que vai cassar as concessões dessas empresas, cuja validade é até 2020. Segundo ele, elas têm prestado péssimo serviço à população.

No entanto, segundo a própria população, quem presta um péssimo serviço é a própria EPT, cujos ônibus rodam sem nenhuma manutenção, sujos e, devido a poucas unidades em sua frota (apenas 13 veículos), demoram bastante no atendimento aos passageiros.

Segundo comentários e opiniões de alguns advogados e juristas consultados pelo ITAIPUAÇU SITE, Quaquá está sendo inconsequente e agindo sem nenhum respaldo legal. Além disso, tal descumprimento atenta contra a dignidade da Justiça:

"Os atos desse prefeito estão desmoralizando a justiça brasileira. Tem-se que tomar uma atitude enérgica contra este cidadão."

"O presidente da EPT, que é um delegado de polícia, não pode descumprir a lei emanada do poder judiciário."

"Quaquá está se aproveitando da morosidade da justiça..."

De acordo com a decisão da Justiça, o prefeito de Maricá atropelou a própria Lei Orgânica Municipal que garante linhas exclusivas às operações e explorações das empresas concessionárias. Confira aqui a íntegra da decisão do desembargador Pedro Raquenet.

Assista, a seguir, ao vídeo gravado pelo jornalista Walter Monteiro, do "Diário da Vila", com a entrevista do prefeito Quaquá concedida a uma emissora de TV, durante o ato desta manhã:







5 comentários:

Anônimo disse...

Esse episódio evidencia incontestávelmente a índole autoritária desse prefeito de Maricá.

Anônimo disse...

DENUNCIA ESSE CANALHA PARA A POLICIA FEDERAL E O MPRJ.

Anônimo disse...

Esse verme acabou com o Aeroclube e matou dois pilotos, quando vai pagar por isto? Como todo petista vive cercado de capangas.

Anônimo disse...

Sou a favor da morte deste cara alguém estiver precisando de entusiasta nem quero nada em troca,
só o alívio de ver este demo de volta no inferno
é o suficiente

Anônimo disse...

Este verme nunca vai pagar.....
a Justiça é feita por nossas próprias mãos sempre
e hoje ninguém sujaria as suas com esse bosta, matar
um desgraçado destes é dar um tiro no pé,
ele é PT, vide Dilma, maldito sejam os que votam no PT..
Porém eu Desejo a ele com toda a força do meu ser,
tudo de BOM! Que tenha Sorte, Muita saúde mas Muita Saúde mesmo e continue a abusar da responsabilidade do cargo o a que lhe foi confiado. Que ele envelheça com saúde, dure uns 90 anos ou mais carregando em sua estrutura patética a figura de um velho sujo e desonesto, viverá cercado somente de pessoas sujas e desonestas que apenas por interesse estarão ao seu redor. Que ele se envergonhe bastante aos noventa e poucos anos no íntimo de sua consciência por ser o exemplo de vida de tudo aquilo que, seus netos e bis netos não devem ser e os odeiam por isso..
Que sinta o peso do desprezo no olhar dos médicos e enfermeiros únicos a lhe visitar em seu leito.
Mas que limparão sua baba, lhe darão comida na boca, e trocarão seu soro e fraudas em sua sobrevida, apenas por serem BONS PROFISSIONAIS.
E quando morrer eu quero estar já Ha um bom tempo no inferno, esperando ansiosamente pela sua chegada e então poderemos acertar as contas pessoalmente e finalmente só assim justiça será feita...

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.