quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Maricá: Em Itaipuaçu, outra obra de quase 1 milhão vira sucata

REPORTAGEM :: MARCELO BESSA - Difícil imaginar que os responsáveis pelo poder público de Maricá (RJ) pudessem ter tanta ousadia no trato com o dinheiro do povo. Porém, supostamente, a fim de elegerem seus candidatos nas últimas eleições, entre eles a mulher do prefeito (Rosângela Zeidan) e o então presidente da câmara dos vereadores (Fabiano horta), ambos eleitos pelo PT, teriam afanado milhões de reais dos cofres da prefeitura.

No início desta semana, o ITAIPUAÇU SITE denunciou diversas obras de milhões de reais anunciadas antes das eleições, no distrito de Itaipuaçu, e que não foram concluídas. Algumas nem tiveram início (Clique aqui para ver).

Obra abandonada próximo ao Barroco
(Foto: Marcelo Bessa)
Hoje, mais uma denúncia: Trata-se do prédio do novo DPO e que também serviria de instalações à Guarda Municipal. A obra, localizada na Estrada de Itaipuaçu em frente à rua dos Narcisos, próximo à Praça do Barroco, foi anunciada ao custo de R$ 748.325,55 (setecentos e quarenta e oito mil, trezentos e vinte cinco reais e cinquenta e cinco centavos) com início no dia 29 de junho do ano passado e prazo estipulado para terminar em janeiro deste ano. Mas, assim como aconteceu com as outras obras, o local acabou sendo abandonado. Hoje, o prédio está sendo engolido pelo mato. Vale ressaltar que até a placa da obra já foi retirada do local.

O prédio está sendo engolido pelo mato
(Foto: Marcelo Bessa)

A placa da prefeitura instalada no local logo no início
(Foto: arquivo / Marcelo Bessa)







2 comentários:

Anônimo disse...

Mais dinheiro público jogado no lixo.

Anônimo disse...

Então! Cadê o Ministério Público Estadual? Com a palavra os promotores de justiça.

Postar um comentário

ITAIPUAÇU SITE - MÍDIA LIVRE E OFICIAL DE NOTÍCIAS DE MARICÁ - O Itaipuaçu Site reserva o direito de não publicar comentários anônimos ou de conteúdo duvidoso. As opiniões aqui expressas não refletem necessariamente a nossa opinião.